Corinthians negocia colocar o nome de seu estádio em estação do Metrô de São Paulo

Informação foi confirmada pelo secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy. Foto: Diário do Transporte.

Projeto faz parte das ações da Companhia para aumentar as suas receitas por meio de naming rights

WILLIAN MOREIRA

O Metrô de São Paulo e a equipe do Corinthians estão em conversas para que o clube paulista insira o nome do seu estádio na estação Corinthians-Itaquera próximo à arena. A informação foi confirmada pelo secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, ao Diário do Transporte.

Caso as negociações avancem, seguindo a diretriz de um projeto da companhia recentemente aprovado pela Prefeitura de São Paulo por meio da CPPU (Comissão de Proteção à Paisagem Urbana) que autorizou a mudança da comunicação visual das estações, passando a se chamar por exemplo, “nome do estádio ou similar – Corinthians Itaquera”, ou vice-versa.

Procurada pelo Diário do Transporte, a  Hypera Pharma, proprietária da marca que patrocina o estádio, informoou por meio de noota que “não vai comentar”, não desmentindo, entretranto, a informação.

Essa alteração comercial segue outras cidades que adotaram este sistema, como os sistemas metroviários de Nova Iorque, Dubai, Mumbai, Kuala Lumpur, Chicago, Boston e Rio de Janeiro, com a estação Botafogo-Coca Cola.

A projeção inicial do Metrô paulista é de arrecadar anualmente R$ 20 milhões com a comunicação visual.

Recentemente, a CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) contratou a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas –FIPE para realizar estudos técnicos que viabilizem a aplicação de naming rights nas estações Vila Olímpia (Linha 9 Esmeralda), Mooca (Linha 10 Turquesa), Luz (Linha 7 Rubi) e Brás (Linha 11 Coral).

Relembre:

CPTM contrata FIPE para avaliar uso de ‘naming rights’ nas estações Vila Olímpia, Mooca, Luz e Brás

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. A única estação que merec(e)ia mesmo ter seu nome alterado é a da Mooca.. para Estação ANTARCTICA-Mooca…devido a maior empresa de bebidas paulista, genuinamente nacional, ter nascido e dado fama ao bairro..

  2. vagligeiro disse:

    O Corinthans está com uma dívida enorme, e quer pegar “Name Right” do Metrô?

    Já dizia a Maria Santa, da “Praça é Nossa”:

    “Lá vem o Golpe”.

Deixe uma resposta