Reunidas Paulista compra oito Busscar Vissta Buss DD

Segundo fabricante, cinco unidades estão prontas e outras três serão entregues ainda neste ano

ADAMO BAZANI

A fabricante de carrocerias de ônibus Busscar, informou oficialmente nesta sexta-feira, 16 de abril de 2021, que comercializou oito unidades do modelo Vissta Buss DD para a empresa Reunidas Paulista, do interior de São Paulo.

Cinco unidades já estão prontas e mais três serão entregues nos próximos meses.

Os veículos possuem chassi O500RSD, de 14 metros e três eixos, da Mercedes Benz.

Entre os itens que equipam os veículos estão  central multimídia, USB individual em todas as poltronas, monitores de teto, sanitário, ar condicionado quente e frio, câmera de ré e rádio.

O primeiro salão para todos os ônibus possui 12 poltronas Leito; já o segundo salão possui variação em um veículo que, diferentemente dos demais que possuem 44 poltronas Leito Turismo, tem 48 lugares.

Em nota, a fabricante destaca sua linha de modelos e detalhes do Vissta Buss DD

BUSSCAR

A Busscar faz parte do Grupo Caio Induscar desde 2017, para atender o mercado crescente possui duas famílias de produtos. A família El Buss com motorização dianteira com EB 320, sua variação EB 320L e EB 340 e a família Vissta Buss com motorização traseira com os modelos VB 340, VB 360, VB 400 e VB DD.

Em 2021 a empresa completa 75 anos de história, marco conquistado com muita perseverança e trabalho. Tudo na Busscar é desenvolvido por pessoas que diariamente levam a marca para o pódio da satisfação de nossos clientes, passageiros e motoristas. Excelência e robusteza são palavras que associamos sempre aos nossos produtos, mas são adjetivos perfeitamente abrangentes de tudo que a Busscar significa no mercado.

Vissta Buss DD

O VisstaBuss DD foi inspirado nas tendências do Design automotivo, a tecnologia de luz difusa nas lanternas são a assinatura visual exclusiva da marca Busscar. Para complementar o conforto que também sinônimo da marca, é garantido pelas poltronas Busscar que possuem apoio de pernas e encaixe anatômico das costas, conferindo ergonomia para viagens de longas distâncias. A paixão da marca pelos detalhes e cuidados no acabamento, transmite ao passageiro aconchego e o amplo espaço proporciona uma viagem tranquila e confortável.

Adamo Bazani, jornalista especialziado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. JOAO LUIS GARCIA disse:

    Na verdade o Chassi correto é o O-500 RSD 2441/30

  2. Luiz Villela Linhares disse:

    Acredito que a empresa comprou eles para competir com a Primar que virou concorrente em algumas linhas e por questão do mercado exigente ,busscar carroceria muito linda também , boa aquisição .

  3. Pedro Henrique Veloso dos Santos disse:

    Poderia ter optado por Volvo ou Scania .

    1. Zé Tros disse:

      Não sei pq. Se é uma opção da empresa, ela optou pela marca de sua preferência. É como dizer pra Gontijo « poderia ter optado por Mercedes ». Não faz sentido. O que importa é que os passageiros terão um carro novo pra viajar e o motorista um equipamento decente pra trabalhar.

  4. Ismael Junior disse:

    Excelente aquisição. Parabéns à empresa

  5. Antônio Victor disse:

    Poderia alguns serem 15 metros. Com 8×2.
    Por ser Mercedes, poderia já ter as cameras no lugar do espelho retrovisor.

  6. Zé Tros disse:

    Adamo, foi postado fotos do motor e volante desses veículos no site Ônibus Brasil. Alguns detalhes chamaram atenção como:freio de estacionamento eletrônico, volante do caminhão Actros F, sistema de arrefecimento reposicionado na lateral direita, motor pintado de prata ao invés do preto utilizado normalmente. Vários comentários especularam ser uma atualização da linha O-500, outros especularam que seria já um chassi Euro 6. Teria como vc checar com a Mercedes sobre esse detalhes e do que trata de fato esse chassi?.

    Desde já agradeço.

    1. diariodotransporte disse:

      Vamos verificar, obrigado

  7. Genival disse:

    Adamo tem boatos que o veiculo de prefixo 162201 era da Sussantur. a empresa parece que desisitiu dos 3 carros que foram montados até chegaram a estampar publicações no instagran se alguém tiver oportunidade de ver o veiculo de perto dizem que tem vestigios de tinta azul nas tampas do motor e das tampas de ventilação. e até surgiu uma imagem de um chaveiro com o nome sussantur mas com o prefixo162201 podem ver se os próximos veículos forem 8×2 2 podem ser Ex-Sussantur também..

Deixe uma resposta