Diário no Sul

Transporte coletivo de Blumenau (SC) terá funcionamento especial durante feriadão da Páscoa

Foto: divulgação

Serviços da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (Seterb) funcionarão em horários especiais ou regime de plantão

ALEXANDRE PELEGI

A prefeitura de Blumenau, em Santa Catarina, comunica que alguns serviços da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (Seterb) terão alterações durante o feriado de Páscoa, entre os dias 2 e 4 de abril de 2021, de sexta a domingo.

Para atender a população, alguns serviços funcionarão em horários especiais ou regime de plantão.

Todas as atividades voltam a operar normalmente na segunda-feira, 5 de abril.

TRANSPORTE COLETIVO

O transporte coletivo, operado pela BluMob, funcionará da seguinte forma:

– dia 2, feriado de Sexta-Feira Santa – horários de feriados e domingos, das 6h30 às 19h30.

– dia 3, sábado – horários normais para este dia, das 3h30 às 22h.

– dia 4, domingo de Páscoa – das 6h30 às 19h30, com horários estabelecidos para domingos e feriados.

Para conferir as tabelas com os horários, basta consultar o site da empresa BluMob, no link Horários de Ônibus, nas plataformas dos terminais e no aplicativo.

Informações e dúvidas sobre os horários dos ônibus poderão ser obtidos pelo telefone 0800 008 0900.

As linhas para profissionais da saúde terão o seguinte funcionamento:

dia 2, sexta-feira, e dia 4, domingo, a Seterb colocará ônibus especiais para o deslocamento exclusivo de profissionais da área da saúde.

Confira os horários:

Sexta e Domingo (2 e 4 de abril)

Linha 01 – Região do Garcia, linha 02 – Região da Velha, linha 03 – Região da Fortaleza e linha 04 – Região do Aterro:

Saída dos bairros: 5h40 e 17h40

Saída dos hospitais: 7h20 e 19h20

 

SERVIÇOS À DISPOSIÇÃO DA COMUNIDADE DURANTE O FERIADÃO

Setor de atendimento ao público presencial e Ouvidoria: estará fechado nesta sexta-feira, dia 2. Protocolos de recursos de infração e solicitação de laudos de acidente de trânsito podem ser efetuados por meio do endereço de e-mail atendimento@seterb.sc.gov.br. Demais serviços como emissão de credenciais de estacionamento podem ser solicitadas pelo e-mail e retiradas a partir de 5 de abril.

Boletim de Ocorrência e autorizações de estacionamento: atendimento presencial fechado nos dias 2, 3 e 4 de abril. Informamos que a Polícia Civil disponibiliza gratuitamente e de forma on-line o registro de Boletim de Ocorrência de trânsito sem vítima, o mesmo pode ser feito neste link.

Área Azul: o monitoramento nas ruas, bem como o atendimento para o pagamento das amarelinhas não estarão funcionando na sexta e sábado, dias 2 e 3 de abril. Os cartões que tiverem vencimento para este período poderão ser pagos no próximo dia útil.

Guarda Municipal de Trânsito (GMT): o plantão 24h da Guarda Municipal de Trânsito seguirá o atendimento normal pelo número 153.

Sinalização viária: plantão pelo telefone (47) 99997-7340, com Adair Telles da Silva.

Central semafórica: plantão pelo telefone (47) 99968-9799, com Rafael Koga.

Pátio Seterb: o pátio localizado na Itoupava Central estará fechado para atendimento de liberação de veículos nos dias 2, 3 e 4 de abril. Com exceção para veículos removidos em estacionamento e que seja possível liberar sem que seja necessário fazer reparos. Para este serviço o atendimento será de sexta a domingo, das 8h às 20h e será feito pelos agentes da GMT que estarão de plantão. Vale ressaltar que o pagamento para retirada é feito somente via aplicativo bancário, bancos ou casas lotéricas, não sendo aceito dinheiro para quitação de taxas.

Cinturões noturnos: Desde 22 de fevereiro de 2021, a Prefeitura, por meio da Seterb, retomou as fiscalizações de trânsito com os cinturões noturnos. Desenvolvidas todos os dias pela Guarda Municipal de Trânsito (GMT), as ações acontecem em vias de ligação entre os bairros de Blumenau. Na sexta e domingo os cinturões serão feitos das 15h às 23h, já no sábado a GMT vai atuar nessas fiscalizações das 19h às 5h da manhã do dia seguinte.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta