Ônibus em Diadema (SP) são recolhidos após ataque neste sábado (20)

Ônibus ainda em chamas

Veículo da linha 22 DP foi incendiado por criminosos na região da Vila Socialista

ADAMO BAZANI

Colaborou Willian Moreira

Moradores de Diadema, no ABC Paulista, devem estar atentos porque parte dos serviços de ônibus da cidade está sendo suspenso na noite deste sábado, 20 de março de 2021.

Um grupo incendiou um coletivo da linha 22DP (Terminal Diadema – Terminal Piraporinha) na região da Vila Socialista. O veículo pertence à concessionária Suzantur e não há informações sobre feridos.

De acordo com informações iniciais, a morte de um adolescente com a suposta participação de policiais seria o motivo do ataque.

A recomendação é que o passageiro deve consultar aplicativos de ônibus em tempo real para verificar se a linha que usa está sendo afetada.

Funcionários da empresa temem novos ataques e represálias, de acordo com o plantão da companhia.

O artigo 163 do Código Penal deixa claro que destruir, inutilizar ou deteriorar o bem ou serviços de uma união, tanto estado, quanto município é considerado crime contra o patrimônio público. São enquadrados também bens privados a serviço público, que é o caso de ônibus de concessionárias e permissionárias de transporte público.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Assine

Receba notícias do site por e-mail

Comentários

Comentários

  1. Wellington Antunes disse:

    Sempre sobra para os ônibus, q não tem nenhuma relação com o ocorrido.

    1. Patrícia Beretca Mack disse:

      Verdade

  2. Anderson disse:

    Bala de verdade pra dispersar esse pessoal. Sempre morre um santinho começa o vandalismo.

  3. Nilda disse:

    TEM QUE SEREM PUNIDOS ESSES MARGINAIS QUE QUEREM TUDO FÁCIL,A POPULAÇÃO NÃO TEM CULPA,OS TRABALHADORES HONESTOS QUE SOFREM COM TANTOS MARGINAIS SOLTO AQUI NESTE BAIRRO SEM LEI…

  4. RILDO disse:

    Incrível que ninguém viu ou menos foi preso incrível,já tá ruim o transporte e agora menos um

  5. Alfredo disse:

    Se Diadema tivesse um eficiente sistema de cameras conectado 24 horas com a PM e GCM, estes vagabundos teriam sidos presos em flagrante ou talvez até algum levasse um pipoco, bem merecido por sinal, são as mesmas tranqueiras que ficam pedindo carona, cadê a segurança do Fillipi?

  6. Raimundo Silva de Lima disse:

    Isso não é protesto! Pessoas de má índole usa desculpas para destruir o patrimônio público ou privado… quem sofre é o trabalhador que levanta cedo para o trabalho e chega ao trabalho atrasado por causa desses desordeiros.
    Cadeia e multa alta para eles. 🚔

  7. Antonio disse:

    Por que que un crime contra a vida não gera comoção mas um simples ônibus queimado gera? Por que não há comentários chamando os policias de assassinos mas há comentários chamando os populares de vândalos criminosos? Eu fico sem entenser esse povo que se diz defensor da vida que no momento que deveriam defender a VIDA defendem os assassinos do estado.

    1. diariodotransporte disse:

      Talvez por uma série de motivos:
      1 – Atacar um veículo de transporte coletivo também coloca vidas em risco
      2 – A partir do momento em que os populares incendeiam e depredam um bem à serviço público se tornam pelo Artigo 136 vândalos e criminosos
      3 – Nunca queimar ônibus resolveu o problema da violência policial, não vai ser desta vez.
      4 – Um protesto com causa legítima perde sua razão quando se baseia em violência e crime
      5 – O que o ônibus tem a ver com a violência policial ? – Até hoje ninguém convenceu sobre isso
      6 – Ninguém está defendendo “assassinos do estado”, mas criticando um ato violento
      7 – Não é um “simples ônibus queimado” – é um veículo que transporta vidas, que foram colocadas em risco e que serve ao interesse público, que foi prejudicado
      8 – É tão errada esta forma de “protestar” que tira o foco da causa. O objetivo é chamar a atenção queimando ônibus? Chamou, mas para o ônibus queimado

  8. Joao Augusto disse:

    Joao Augusto Olá, descubra AGORA como anunciar entrando em contato com o comercial pelo FALE CONOSCO em vez de tentar fazer propaganda de graça nos comentários:https://diariodotransporte.com.br/contato/

Deixe uma resposta para Nilda Cancelar resposta