Governo do Estado de SP suspende operação descida para o litoral e diz que demanda de CPTM, EMTU e Metrô caiu 62% na fase emergencial

Covas decretou antecipação de cinco feriados de 2021 e 2022 na capital paulista para a partir de sexta-feira (26), o que preocupou prefeitos da Baixada

ADAMO BAZANI

Colaborou Willian Moreira

O Governo do Estado de São Paulo anunciou em entrevista coletiva no início da tarde desta sexta-feira, 19 de março de 2021, que suspenderá a operação descida do Sistema Anchieta Imigrantes na fase emergencial.

As faixas das rodovias em sentido ao litoral terão número reduzido.

De acordo com o vice-governador do Estado, Rodrigo Garcia, em entrevista coletiva, a medida entra em vigor já nesta sexta-feira e vai até 30 de março de 2021, sendo prorrogada para 04 de abril.

Os prefeitos do litoral paulista ficaram receosos com possíveis aglomerações nas praias, ainda mais diante do anúncio do prefeito da capital paulista, Bruno Covas, em antecipar para os dias 26, 29, 30, 31 de março e 01º de abril cinco feriados municipais de 2021 (Corpus Christi, Consciência Negra) e 2022 (Aniversário de São Paulo, Corpus Christi, Consciência Negra).

Como mostrou o Diário do Transporte, na manhã desta sexta-feira (19), o governador João Doria criticou a decisão de Cova, dizendo que faltou bom senso.

https://diariodotransporte.com.br/2021/03/19/doria-critica-decisao-de-covas-de-adiantar-feriados-municipais-e-diz-que-anunciara-novas-medidas/

De acordo com o secretário de Transportes e Logística, João Octaviano Machado Neto, o SAI (Sistema Anchieta Imigrantes) vai operar no sistema 5X5, com três faixas da Imigrantes e duas da Anchieta para a descida e três faixas da Imigrantes e duas da Anchieta para subida.

TRANSPORTES METROPOLITANOS:

Na entrevista coletiva do meio do dia, Rodrigo Garcia e os secretários apresentaram um novo número de pessoas transportadas no sistema metropolitano do Grande São Paulo, incluindo Metrô, CPTM e EMTU (ônibus e trólebus) com a fase emergencial de restrições.

De acordo com o secretário de Saúde, Jean Carlo Gorinchteyn, a demanda de passageiros nestes sistemas estava 48% menor que antes da pandemia na fase laranja e nesta semana com a entrada da fase emergencial a queda de demanda foi para 62%.

Antes da pandemia, trem, ônibus, trólebus e metrô na Grande São Paulo transportavam por dia ente 10 milhões e 10,5 milhões  de passageiros por dia.

Segundo o vice de Doria, Rodrigo Garcia, somente no sistema de trilhos, a queda de demanda foi de aproximadamente 1,5 milhão de passageiros na comparação entre a fase laranja e fase emergencial.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Colaborou Willian Moreira

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Assine

Receba notícias do site por e-mail

Comentários

Comentários

  1. Marcos Borges disse:

    Esse negócio de que a lotação nos trens da CPTM e do metrô caiu 62%? DE onde eles tiraram essa PORCENTAGEM?Quem fez esse levantamento andou ou anda de trem e metrô?Porque não é o que está acontecendo. Esses “62%”não seriam. de AUMENTO NA LOTAÇÃO?Não há aí um “erro de digitação ” não?

  2. antonio disse:

    esse secretário pau mandado fala que caiu 62% a demanda de passageiros no transporte publico.?????…. fala pra ele entrar no trem da cptm AA 6:00 da manhã e as 18:00……pra ele ver como caiu !!!! cambada de políticos mentirosos e interesseiros …

    1. Alexandre Silva disse:

      Acredito que caiu cem por cento apos os ônibus recolherem para garagem será que eles não tem informações corretas vivem de mentiras

  3. Regina disse:

    Nossa que bagunça 😭🤣😱😱😱

  4. william disse:

    de onde eles tiraram essa pesquisa porque daqui de sao paulo é que não foi, pego trem e metrô todo dia e o que eu vejo é uma super lotação de ambos não posso responder pela emtu , pois não utilizo, mas do metrô falo com toda convicção que está lotado pego as 5 da manhã e nesse horário já é super cheio.
    o cara já não tem mais o que falar e fazer e fica jogando desculpas e inventando umas porcentagens que a mãe deles que fez a pesquisa.

  5. Carol disse:

    Eles deviam deixas somente a Anchieta descendo, ia desmotivar mais as pessoas, deixar em operação subida no começo do feriado

  6. Marco Antonio Oliveira Gomes disse:

    Tá difícil de entender o Doria! Crítica o Bolsonaro por não tomar medidas restritivas + enérgicas no país, e crítica Covas por impor!

  7. José Agripino doria disse:

    Vermes malditos, mentirosos, caiu aonde? Esses safados com essas informações mentirosas.

  8. Reginaldo disse:

    Não caiu nada no horário de pico, talvez tenha caído no horário que alguns faziam compras!!!
    Passem os horários que caiu!

  9. Célia Regina Cardozo de Lima disse:

    Fecha os pedágios, deixem só a passagem de emergência e para quem trabalha com identificação, não deixem esse povo sem noção ir para as praias, e se for muda neles, só assim para em casa. Vejo gente indo para praia direto e descumprindo os protocolos e muita gente morrendo, hospitais cheios tido por falta de respeito ao próximo. FECHEM OS PEDÁGIOS.

  10. Alexandre Silva disse:

    Mentira em cima de mentiras estações lotadas ônibus metrô trem todos lotados a redução está onde que eles viram ninguém mais

Deixe uma resposta para antonio Cancelar resposta