Prefeitura de Mogi das Cruzes (SP) amplia operação de ônibus nos horários de pico

Medida entrou em vigor nesta terça (02). Foto: Divulgação.

Objetivo da medida é combater lotação, por conta da pandemia de covid-19

JESSICA MARQUES

A Prefeitura de Mogi das Cruzes, na Grande São Paulo, informou que ampliou a oferta de atendimento do sistema de transporte coletivo na cidade. Em horários de pico, mais ônibus estão circulando a partir desta terça-feira, 02 de março de 2021, conforme informado pela administração municipal.

A medida foi adotada em linhas que servem os corredores com maior movimentação de passageiros e que, pelo acompanhamento da Secretaria Municipal de Transportes, apresentavam maior ocupação dos ônibus em horário de pico.

Nesta terça-feira, sete ônibus a mais estão em operação nos principais corredores da cidade. Com isso, a estimativa é de um aumento de 10% no número de viagens disponíveis para os passageiros nos horários de pico, diminuindo assim a lotação dos ônibus.

ENTREPICO

Já a partir desta quarta (03), a Secretaria Municipal de Transportes iniciará o remanejamento dos ônibus que atuam no entrepico, quando a movimentação de passageiros é menor, para reforçar ainda mais o atendimento nos horários de maior demanda de usuários transportados.

“Desde janeiro, a administração municipal está fazendo um levantamento sobre o transporte coletivo na cidade e estas medidas já são resultado deste trabalho, com ações para melhorar o atendimento e torná-lo mais eficiente para os passageiros, diminuindo a lotação nos ônibus e aumentando o conforto”, explicou a secretária municipal de Transportes, Cristiane Ayres.

A secretária afirmou ainda que a pasta está “finalizando o planejamento para intervenções maiores, que farão uma mudança em todo o sistema de transportes do município, além da implantação de tecnologia para o controle do número de passageiros que utilizam os ônibus”.

BAIRROS

A ampliação no número de ônibus em circulação a partir desta semana será nos corredores viários da avenida Japão, que atende bairros como o Conjunto Santo Ângelo, da avenida Francisco Rodrigues Filho, que recebe os veículos do Botujuru e do distrito de Cezar de Souza, da avenida Lourenço de Souza Franco, por onde passam os ônibus de Jundiapeba, e da avenida Shozo Sakai, que atende a região do Jardim Layr.

“Paralelamente, os principais pontos de ônibus da cidade serão monitorados pelas equipes da Secretaria Municipal de Transportes e das empresas concessionárias para acompanhar o volume de passageiros e orientar os usuários sobre os horários extras, destacado a eles que, caso um ônibus esteja com sua capacidade limite, aguarde alguns minutos para a chegada do próximo, evitando lotação”, ressaltou a Prefeitura, em nota.

No período da manhã, serão monitorados pontos de embarque na avenida Japão, na avenida Lourenço de Souza Franco e na avenida Francisco Ferreira Lopes, para verificar o movimento sentido bairro-centro. Já à tarde, o acompanhamento será feito na avenida Manoel Bezerra Lima Filho, avenida Vereador, Narciso Yague Guimarães, rua Doutor Correa, rua José Bonifácio, avenida Voluntário Fernando Pinheiro Franco e na avenida Francisco Ferreira Lopes. Os Terminais Central e Estudantes terão o monitoramento nos dois períodos.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

Deixe uma resposta