Sorocaba (SP) inicia instalação de proteção antiviral em ônibus municipais

Um dos ônibus com o tecido

Ação é resultado de uma parceira com a iniciativa privada

WILLIAN MOREIRA

A partir desta terça-feira, 26 de janeiro de 2021, quatro ônibus do transporte municipal na cidade de Sorocaba no interior de São Paulo, passam a contar com um sistema de proteção antiviral que também previne a covid-19 no sistema.

A ação é fruto de uma parceria da prefeitura do município por meio  da Urbes – Trânsito e Transporte com a empresa ChromaLíquido Soluções Tecnológicas que instalou os equipamentos em tecido nestes veículos.

A tecnologia atua por meio de um aditivo aplicado nos fios dos tecidos com nanotecnologia capaz de romper a camada de gordura do vírus, impedindo que acabe ficando preso na superfície.

Sua resistência e eficiência antibacteriana e antiviral são certificadas pelas áreas e agências técnicas do Governo do Estado, dentre elas a Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) e o IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas) da USP (Universidade de São Paulo), segundo nota da prefeitura.

Revestimento em interior de ônibus. Foto: Prefeitura de Sorocaba

Os tecidos já estão em uso nos ônibus de Florianópolis, Osasco e na linha da EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos) que opera entre São Paulo e Carapicuíba.

As linhas onde os quatro coletivos estão circulando são  a 53 – Éden, 73 – Júlio de Mesquita, 81 – Carandá e 82 – São Bento, ao qual os veículos tem o tecido especial de proteção nos bancos, balaústres, corrimãos e catracas.

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta