Motoristas de ônibus de Vitória (ES) protestam contra atraso no pagamento de salários

Ato foi realizado em frente ao prédio do Executivo. Foto: Fernando Madeira / A Gazeta.

Trabalhadores alegam que a Prefeitura não está fazendo o repasse de verba para a Viação Grande Vitória

JESSICA MARQUES

Os motoristas de ônibus de Vitória, no Espírito Santo, protestaram nesta terça-feira, 26 de janeiro de 2021, contra o atraso no pagamento dos salários. Os trabalhadores alegam que a Prefeitura não está fazendo o repasse de verba para a Viação Grande Vitória e por esse motivo a empresa não consegue pagar os funcionários.

Por esse motivo, a categoria se reuniu em frente ao prédio da Prefeitura para cobrar uma providência. De acordo com informações do portal A Gazeta, o movimento partiu dos próprios motoristas, sem participação do sindicato. A manifestação foi realizada das 14h às 18h.

Também ao portal local, o Setpes (Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado do Espírito Santo) informou que duas empresas de ônibus municipais de Vitória estão “há um longo período enfrentando um momento de dificuldades no pagamento de salários e benefícios”.

O sindicato que reúne as empresas informou ainda que as viações operam com 80% da frota. Além disso, o Setpes destacou que está “buscando o melhor caminho para que as atividades sejam retomadas sem maiores prejuízos para colaboradores e para a população”.

Em nota, a Prefeitura informou que multou os ônibus que foram parados durante o protesto. Confira a nota, na íntegra:

A Secretaria Municipal de Segurança Urbana de Vitória (SETRAN) informa que agentes da Guarda Civil Municipal de Trânsito estiveram no local em duas viaturas. Os ônibus, estacionados em frente a sede da Prefeitura de Vitória, foram autuados. O trânsito fluiu sem alteração na via. A SETRAN informa que as empresas foram notificadas formalmente por descumprimento do contrato e alertadas quanto às possíveis sanções que poderão ser aplicadas.

TRANSCOL

No início de janeiro, rodoviários do sistema Transcol, na Grande Vitória, realizaram quatro dias de protestos, também por questões trabalhistas. Neste caso, os rodoviários reivindicaram a volta dos cobradores no Transcol.

Relembre:

Em 4º dia de protesto pela volta dos cobradores, terminal de ônibus é bloqueado na Grande Vitória

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta