ÁUDIO: Em 2021, frota de ônibus municipais (SPTrans) e de ônibus metropolitanos (EMTU) será redesenhada, diz Baldy

Ônibus metropolitano gerenciado pela EMTU

Com isso, deve haver mudanças de linhas e reformulação de itinerários

ADAMO BAZANI/WILLIAN MOREIRA

Em 2021, as frotas de ônibus municipais da capital paulista, gerenciados pela SPTrans (São Paulo Transporte) e dos ônibus metropolitanos da Grande São Paulo, gerenciados pela EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos) passarão por um redesenho, com alterações.

A informação é do Secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, em evento de entrega de um trem novo para a linha 13-Jade da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) na manhã desta quinta-feira, 19 de novembro de 2020.

Com isso, deve haver mudanças nas linhas de ônibus de ambos os sistemas.

“A importância de nós termos aprofundado e aproximado este debate com a prefeitura municipal para que a gente possa interagir na reformulação das linhas, viabilizando o melhor transporte entre a origem e o destino. A prefeitura se colocou à disposição e temos aprofundado os estudos para que no ano de 2021 consigamos manter um redesenho da frota intermunicipal com a frota municipal integrando com os trilhos para que a gente possa ter um transporte mais qualificado para o cidadão” – disse Baldy.

Ouça:

A declaração foi em resposta ao questionamento do Diário do Transporte que esteve presente ao evento.

Como a reportagem mostrou, em torno de 40 linhas metropolitanas foram afetadas entre o final de 2019 e meados de 2020 por interferência da prefeitura de São Paulo. Alguns trajetos foram proibidos pela gestão municipal de ingressar na capital paulista.

A medida da prefeitura foi alvo de reclamações de passageiros que viram a quantidade de ônibus, tempo de deslocamento e custos aumentar para fazerem a mesma viagem.

Baldy disse que parte das linhas suspensas por ordem da prefeitura de São Paulo foi retomada após a EMTU provar a necessidade de manutenção destes serviços.

“A prefeitura retomou boa parte das linhas [metropolitanas da EMTU]. Com diálogo nós  conseguimos mostrar a viabilidade das linhas, a importância das linhas e o fluxo das linhas” – disse Baldy.

Ouça:

As linhas metropolitanas são de responsabilidade da EMTU, a prefeitura não pode ter interferência sobre elas, mas tem atribuição sobre o território do município e, assim, proibir ou permitir a circulação de ônibus de outros sistemas.

As mudanças que devem ocorrer em 2021 não devem ser pontuais e o redesenho dos trajetos será mais amplo.

O objetivo principal é evitar sobreposições de linhas e concorrências entre os dois sistemas, mas o maior entrave é a falta de integração física e de bilhetagem entre SPTrans e EMTU, que possuem tecnologias diferente e sem integração tarifária.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Willian Moreira, em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Alfredo disse:

    A linha 044 Itaim Diadema precisa voltar, foi uma estupidez sem tamanho do ex secretario Caran, o prefeito Covas tem que voltar atrás nessa decisão rapidamente

  2. Galesi disse:

    A prefeitura de SP continuará prejudicando o trabalhador que depende das linhas EMTU. Edigo mais,tem que existir concorrência sim nós sistemasoe não deixando a população escrava de um sistema só que institualiza o monopólio da SPTrans. Ou seja, cada dia piora o sistema de transporte. Lamentável

    1. Marcos p disse:

      Com ctz….se nao haver Concorrencia nao há melhoras no servicos….e na vdd nao existe Concorrencia qdo uma linha da emtu custa 6,80 a passagem e em sao paulo custa 4.70

  3. Gláucio oliveira disse:

    Queria saber quais linhas que voltaram porque na minha região lote 1 consórcio intervias não voltou nenhuma. E acompanho por aqui diariamente e só lembro de uma ou duas no alto tiete

    1. Roston Gomes disse:

      Se estas linhas forem intermuncipais da EMTU e Andentrarem o Municipio de SAO PAULO (ESQUECA) BRUNO COVAS NAO QUER QUE AS LINHAS METROPOLITANAS ENTREM NO MUNICIPIO DE SAO PAULO e Tem CANCELADO DEZENAS (JA EXISTENTES) E NEGADOS NOVOS PEDIDOS DA EMTU

  4. Wilson disse:

    Prefeitura e governo gestão de corno

  5. Roston Gomes disse:

    A Frota Municipal ate Pode ser Redesenhada mas a da EMTU INTERMUNICIPAL pelo ANDAR DA CARROAGEM SERA RETIRADA pelos FATOS OCORRIDOS EM 2020 ONDE BRUNO COVAS CANCELOU MAIS DE 20 LINHAS DA EMTU NAO SE ENGANEM

  6. Marcus disse:

    Concorrência num sistema mais caro e sem integração? Como?

Deixe uma resposta