Prefeito de Recife afirma que vai sancionar lei que termina com dupla função de motoristas de ônibus

Ônibus municipal de Recife. Foto: Bruno Michel/Ônibus Brasil.

Câmara de Vereadores da cidade aprovou a proibição dos motoristas exercerem a função de cobrador nesta terça

WILLIAN MOREIRA

O prefeito de Recife, Geraldo Julio, informou na noite desta terça-feira, 27 de outubro de 2020, que irá sancionar o projeto de lei aprovado pelos vereadores que impede os motoristas de ônibus de também realizarem a função de cobrador.

No entendimento do poder municipal, é um risco para a segurança dos passageiros e do próprio condutor do coletivo, acumular outra função, dirigindo e cobrando as passagens, além de ser um desvio de função.

A confirmação do prefeito foi feita por meio de nota enviada à imprensa. Confira:

“A Prefeitura do Recife informa que o prefeito Geraldo Julio irá sancionar o PLO 05/2019, aprovado hoje na Câmara Municipal do Recife. O entendimento do Executivo Municipal é que o projeto, que proíbe o acúmulo das funções de motorista e cobrador de ônibus, garante mais segurança aos passageiros do sistema e protege os trabalhadores – que já desempenham uma função de alta responsabilidade -, do desvio de função”, informou a administração municipal, em nota.

PROJETO FOI APROVADO APÓS DUAS VOTAÇÕES

A maioria dos parlamentares presentes decidiram, após duas votações, pela aprovação do projeto. A proposta ainda recebeu uma emenda do vereador Rinaldo Júnior (PSB) define que a função de cobrador de tarifas nos ônibus do transporte público coletivo do Município do Recife “será exercida por profissional específico para essa função, denominado cobrador”.

Relembre:

Câmara do Recife aprova fim da dupla função para motoristas de ônibus

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta