Câmara do Recife aprova fim da dupla função para motoristas de ônibus

Foto ilustrativa. Imagem TV Globo

PL segue agora para a sanção do prefeito Geraldo Júlio

ALEXANDRE PELEGI

A Câmara Municipal do Recife aprovou nesta terça-feira, 27 de outubro de 2020, em duas votações, o projeto de lei número 05/2019, proibindo o acúmulo das funções de motorista de ônibus e cobrador de tarifas no transporte público coletivo do Recife.

A proposição, de autoria do vereador Ivan Moraes (PSOL), foi aprovada pela maioria dos parlamentares presentes:  32 votos favoráveis e um contrário.

Antes da votação do projeto, foram votados os pareceres das Comissões às três emendas apresentadas. Foi aprovada apenas a emenda do vereador Rinaldo Junior.

A emenda do vereador Rinaldo Júnior (PSB) define que a função de cobrador de tarifas nos ônibus do transporte público coletivo do Município do Recife “será exercida por profissional específico para essa função, denominado cobrador”.

O projeto de lei número 05/2019 seguirá para sanção do prefeito do Recife, prefeito Geraldo Júlio (PSB), após o parecer da comissão de redação, o que deverá ocorrer na próxima semana.

Com a retirada dos cobradores dos ônibus, os motoristas do Recife passaram a cobrar o valor da passagem. A dupla função tinha sido aprovada pelo Grande Recife Consórcio de Transporte.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta