Linha da EMTU operada pela Internorte segue com problemas de limpeza dos ônibus

Publicado em: 9 de outubro de 2020

Itinerário liga Guarulhos à capital paulista. Foto: Diário do Transporte.

Duas semanas após ser notificação para melhoria da higiene dos coletivos, equipe do Diário do Transporte constatou mesmo problema em outros veículos da empresa

WILLIAN MOREIRA

O Diário do Transporte voltou a utilizar os ônibus da linha 105 – Metro Turucuvi / Jardim Moreira (Guarulhos) no último fim de semana, nos dias 03 e 04 de outubro de 2020, para conferir se o Consórcio Internorte seguiu as orientações de limpeza da EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos).

A reportagem utilizou os veículos 30.600 e 30.604, constatando os mesmos problemas relatados na linha que liga a cidade de São Paulo até Guarulhos na região metropolitana.

Assim como anteriormente, foram identificados os seguintes problemas: poeira acumulada, balaustres verticais e horizontais, bem como janelas sem qualquer limpeza, com marcas de contato continuo de mãos. O problema é grave em meio à pandemia do coronavírus, que motivou a determinação dos órgãos de saúde e gerenciadores para intensificar a limpeza dos meios de transporte.

Relembre:

Ônibus de linha que liga São Paulo a Guarulhos é flagrado sujo em meio à pandemia de Covid-19

Confira as imagens dos ônibus utilizados no fim de semana pela reportagem:

EMTU RESPONDE

Por sua vez, o órgão regulador não pode aplicar multas, já que isto só ocorre quando um problema é flagrado por um fiscal, apontando uma falha na fiscalização.

A reportagem procurou novamente a EMTU para informar dos novos problemas encontrados e quais atitudes devem ser tomadas devido a reincidência neste tipo de situação. Confira a nota enviada, na íntegra:

Na manhã desta quarta-feira (7) agentes da EMTU estiveram na garagem da empresa Vila Galvão, no período das 4 às 9 horas, e verificaram que a higienização dos ônibus foi realizada de forma adequada.

A operadora foi orientada novamente sobre a necessidade da intensificação da limpeza dos coletivos e sua manutenção nos pontos terminais das linhas, sempre que possível.

Reiteramos que os passageiros devem denunciar as irregularidades encontradas no transporte metropolitano nas redes sociais da EMTU, como Twitter e Instagram, além do site www.emtu.sp.gov.br. É importante citar o prefixo do ônibus e o número da linha.

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

  1. Jeronimo de Jesus disse:

    Poderiam fazer essa verificação nas linhas 042 (Divisa/Tietê) e 822 (Parada Inglesa/Mairiporã).
    São duas linhas que a empresa ETM não dá a mínima atenção.

Deixe uma resposta