ÁUDIO – ENTREVISTA: As curiosidades e os fatos da história dos transportes do ABC

Publicado em: 24 de setembro de 2020

Ônibus da Padroeira que fazia a ligação entre Santo André, São Bernardo do Campo e São Paulo

A linha entre São Bernardo do Campo por balsa até Santo Amaro, o crescimento de Mauá com a EAOSA, os caminhos da Padroeira do Brasil, o impacto da construção da Perimetral nas linhas de ônibus de Santo André e o São Camilo de três em três minutos são algumas das memórias resgatadas pelo historiador Mário dos Santos Custódio à Rádio ABC e ao Diário do Transporte

ADAMO BAZANI

Quem vê hoje a região do ABC Paulista, uma das mais populosas do Estado de São Paulo, com 2,5 milhões de habitantes, e uma das mais desenvolvidas, talvez não tenha noção de que há algumas décadas a situação era bem diferente.

Ruas de terra, bairros “nascendo aos poucos” e muitas áreas rurais.

Mas todo o desenvolvimento econômico e social da região tem um elemento importante: o transporte coletivo.

Nesta quinta-feira, 24 de setembro de 2020, o historiador e consultor Mario dos Santos Custódio conversou com a Rádio ABC e o Diário do Transporte e contou um pouco de como a região evoluiu com a mobilidade.

No áudio abaixo, você vai conferir fatos e curiosidades como a linha entre São Bernardo do Campo por balsa até Santo Amaro, na zona Sul de São Paulo, o crescimento de Mauá com a EAOSA, o impacto da construção da Perimetral nas linhas de ônibus de Santo André, os caminhos da Viação Padroeira do Brasil ligando parte do ABC a São Paulo pelo Rudge Ramos, o Viação São Camilo do Ipiranguinha (Santo André) ao Parque Dom Pedro de três em três minutos, os vários horários da Auto Viação Vila Alpina para a Vila Linda e muito mais.

Acesse o botão de áudio e viagem no tempo:

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

  1. Kaio Castro disse:

    Grande resgate. Parabéns!!!

Deixe uma resposta