STM forma grupo para criação de aplicativo que une em tempo real previsões dos ônibus da EMTU e trens da CPTM e do Metrô

Publicado em: 22 de setembro de 2020

Ônibus gerenciado pela EMTU com destino a estação do Metrô. Passageiros são os mesmos, mas sistemas não se conversam

Cada empresa possui banco de dados e tecnologia própria, mas sem integração nenhuma

ADAMO BAZANI

O governo do Estado de São Paulo criou um grupo de Trabalho para a elaboração de um aplicativo de celular voltado ao passageiro que une os dados da operação em tempo real dos ônibus e trólebus gerenciados pela EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos) e dos trens da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) e do Metrô.

A formalização do grupo de trabalho foi publicada nesta terça-feira, 22 de setembro de 2020.

Atualmente, as três empresas estatais possuem bancos de dados e geração de informações em tempo real, mas sem integração entre elas.

De acordo com a justificativa na Resolução 71, de 2020, da STM – Secretaria dos Transportes Metropolitanos, o aplicativo vai ajudar o passageiro a escolher a melhor forma de descolamento.

“Considerando que existe interesse do Governo do Estado em disponibilizar aos passageiros dos diversos modais de transporte na Região Metropolitana de São Paulo, por meio de dispositivo móvel informação em tempo real acerca da melhor alternativa a ser utilizada para os seus deslocamentos.” – diz trecho da publicação oficial.

Ainda de acordo com a publicação, os membros do grupo de trabalho pertencem à STM, EMTU, CPTM e Metrô, mas sem ganhar a mais pela atividade.

“A participação no Grupo de Trabalho será exercida sem prejuízo das atividades regulares de seus membros e não será remunerada, sendo, porém, considerada serviço público relevante.”

Na publicação, não foi informada previsão de quando o aplicativo estará disponível para o passageiro.

Em entrevista em 11 de janeiro de 2020 ao Diário do Transporte e outros portais de mobilidade, o presidente da CPTM, Pedro Moro, disse que até então a previsão era do lançamento do aplicativo até o quarto trimestre deste ano.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2020/01/12/ouca-aplicativo-que-une-informacoes-da-emtu-metro-e-cptm-deve-ser-lancado-nos-proximos-meses/

O grupo vai ser coordenado por Maíra Leite Maciel, da Secretaria dos Transportes Metropolitanos e terá a seguinte formação:

STM: Maíra Leite Maciel; Larissa de Lima Souza Pinto; Maximiliano Rodrigues; Lidiane Morais de Carvalho Guimarães; Célia Regina Mensoni; Fernando Chiroli Veiga; Gustavo Rocha Santos; Thais Antonelli e Fernando Galfo

CPTM: Nilson Roberto Brito dos Santos; Wagner Guananes Alves; Alexandre Ferraz Brito e Renato Silva Pompeu

EMTU: Sergio Rodrigues Ivanov; Ricardo Mendes; Sérgio Rodrigues Ivanov; Vinicius de Azevedo e Barros; Rosemeire Zilio Sakamoto; Káti

Metrô: Paulo Ary Tender Guimarães; Renata Raposo Verissimo; Edson Rodrigues Bispo e Danilo Ferreira Gomes.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

  1. JOSE LUIZ VILLAR COEDO disse:

    E … como sempre, as Linhas Municipais da SMT/SPTrans … ou seja, da Metrópole Principal… ficam de fora ! E olha que Prefeito e Governador sao do mesmo partido hein…!

Deixe uma resposta