Manaus entrega primeiros 112 novos ônibus para transporte coletivo

Publicado em: 15 de setembro de 2020

Ônibus vêm equipados com barreiras de proteção para motorista e cobrador, contra Covid-19. Foto: Divulgação / Sinetram.

Veículos integram lote de 150 unidades fabricadas pela Marcopolo Rio

JESSICA MARQUES

O prefeito de Manaus, no Amazonas, Arthur Virgílio Neto, entregou os primeiros 112 novos ônibus para o transporte coletivo. A solenidade foi realizada na tarde desta terça-feira, 15 de setembro de 2020.

De acordo com a Prefeitura, os veículos integram o primeiro lote de 150 unidades fabricadas pela Marcopolo Rio, em Xerém, município de Duque de Caxias, no Rio de Janeiro.

Relembre: Comitiva de Manaus vai à Marcopolo Rio visitar produção de 150 ônibus novos que devem ser entregues até setembro

A maioria dos ônibus novos entregues nesta terça-feira é do modelo “micrão”, para circular em ruas menores dentro dos bairros. Nestes casos, os veículos não terão cobradores.

Dos 112 ônibus, 31 são da empresa Vega (14 convencionais e 17 micrões); 16 da empresa Coroado (12 convencionais e 4 micrões); 33 da Eucatur (micrões); 10 da Líder (micrões); 20 da Via Verde (micrões); e outros 2 da Global (micrões).

Os ônibus novos serão incorporados ao sistema após instalação do sistema de bilhetagem eletrônica e emplacamento. Ao todo serão 300 novos ônibus incorporados à frota ainda este ano, conforme promessa da Prefeitura.

“Os veículos irão oferecer maior comodidade e conforto aos passageiros das diversas zonas da cidade e são devidamente adaptados para pessoas com mobilidade reduzida, contando com elevador de acesso, espaço adaptado, além de cadeiras na cor amarela, conforme lei municipal que torna todos os assentos do transporte coletivo de Manaus preferenciais para idosos, gestantes e pessoas com deficiência”, detalhou a administração municipal, em nota.

O sistema de Manaus conta com cerca de 1.500 ônibus e é operado pelas empresas Açaí Transportes Coletivos, Expresso Coroado, Global Green, Líder, Viação São Pedro, Vega, Via Verde e Eucatur Urbano.

Em nota, o Sinetram, sindicato que representa as empresas de ônibus da cidade, informou que os modelos vêm equipados com barreiras de proteção para motorista e cobrador, contra Covid-19. O objetivo é diminuir a exposição dos profissionais a possíveis gotículas expelidas durante a fala, tosse ou espirro.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

  1. Daniel Sarmento de Souza disse:

    Novos ônibus biarticulados aqui em Manaus

Deixe uma resposta