Transporte Santo Antônio adota tecnologia desenvolvida pela Marcopolo para desinfecção de ônibus contra Covid-19

Publicado em: 11 de agosto de 2020

Sistema Fip Onboard, desenvolvido pela Marcopolo, é utilizado de forma colaborativa pela Transporte Santo Antônio. Foto: Divulgação

Empresa está fazendo aplicação do procedimento nos ônibus da frota que circula em Bento Gonçalves, Garibaldi e Monte Belo do Sul (RS)

ALEXANDRE PELEGI

A empresa de ônibus Transporte Santo Antônio, sediada em Bento Gonçalves, no Rio Grande do Sul, fechou contrato de parceria com a Marcopolo para utilizar o sistema FIP Onboard®, desenvolvido pela Marcopolo Next, plataforma de inovação da fabricante.

Desde 27 de julho, a empresa que atua nos seguimentos de fretamento e transporte urbano. está fazendo aplicação do procedimento nos ônibus da frota que circula em Bento Gonçalves, Garibaldi e Monte Belo do Sul, na serra gaúcha.

Todos os veículos desinfectados são identificados com um selo, que documenta a data da desinfecção e validade.


selo_sato


O procedimento é aplicado a todos os veículos da empresa utilizados no transporte urbano das três cidades gaúchas, que é realizado novamente a cada 72 horas. A medida não gerou qualquer custo extra para os passageiros.

Dessa forma, estamos garantindo aos usuários plena segurança e tranquilidade durante o uso do transporte coletivo, exercitando de forma prática aquele que é um dos principais compromissos de nossa atuação: zelar pelo bem-estar e qualidade de vida das pessoas e das comunidades onde estamos inseridos”, comenta a diretora da Transporte Santo Antônio, Susana Giordani.

Os demais ônibus e vans da empresa, destinados ao transporte intermunicipal, de estudantes e de grupos privados estão recebendo a sanitização – são cerca de 100 carros, no total.

A medida é um dos investimentos feitos para reabilitar a confiança dos usuários do transporte coletivo, recuperando o fluxo de passageiros que sofreu reduções drásticas desde o início da pandemia.

O sistema Fip Onboard, desenvolvido pela Marcopolo e utilizado de forma colaborativa pela Transporte Santo Antônio sanitiza superfícies e espaços através de nanopartículas de uma solução biocida.

Ela é aplicada com a tecnologia ‘Fog in Place’, gerando uma nevoa que cobre 100% da área a ser desinfectada. As nanopartículas transformam-se em um filme protetor, tornando o ambiente seguro após a aplicação. Em poucos minutos, bactérias e vírus são desativados, pois são eliminados ao entrar em contato com a nevoa, garantindo a proteção contra doenças – entre elas a Covid-19. O ciclo de sanitização dura por até 72 horas – após esse período, é necessário repetir o processo.

Como já mostrou o Diário do Transporte, a recém-lançada plataforma Marcopolo BioSafe desenvolveu as soluções inovadoras de biossegurança, que têm contribuído para a retomada do setor de transporte após a pandemia de Covid-19. Relembre: Marcopolo lança plataforma de soluções para prevenção contra Covid-19

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

Deixe uma resposta