Cartões de idosos voltam a funcionar nos ônibus de Guarulhos sem restrições a partir de segunda-feira

Publicado em: 23 de julho de 2020

Reunião Conselhos da Pessoa Idosa. Foto: Nícollas Ornelas.

Desde 22 de junho, gratuidade estava suspensa em horários de pico

JESSICA MARQUES

A gratuidade para idosos no transporte coletivo de Guarulhos, na Região Metropolitana de São Paulo, será retomada a partir de segunda-feira, 27 de julho de 2020. Assim, o Cartão Sênior voltará a poder ser utilizado normalmente, sem restrições durante todo o dia.

A decisão foi tomada após uma reunião realizada na tarde desta quinta-feira, 23, no Paço Municipal. O encontro foi feito com representantes de entidades ligadas à terceira idade de toda a cidade, por solicitação do vereador Lamé. Desta forma, o prefeito Guti determinou que os cartões de idosos (Cartão Sênior) para uso no transporte coletivo voltem a ser utilizados sem restrições.

Desde 22 de junho, como uma das medidas de proteção às pessoas com mais de 60 anos devido à pandemia da Covid-19, a isenção estava suspensa para essa parcela da população nos horários de maior movimento.

ARGUMENTOS

De acordo com a Prefeitura, Guti anunciou a suspensão da medida após ouvir a reivindicação dos representantes, que argumentaram sobre a necessidade de pessoas com mais de 60 anos de se deslocarem para atividades essenciais mesmo em horários considerados de maior movimento.

Na ocasião, o prefeito afirmou que a medida era amparada em uma lei municipal de 1988. A legislação determina a gratuidade aos idosos no transporte público, com exceção ao horário de pico. “Entendemos que a partir da retomada econômica essa medida pode ser revogada neste momento. Mas insistimos que ninguém utilize o transporte público se não for de extrema necessidade”, disse o prefeito.

Estiveram presentes na reunião representantes da Academia na Praça Inocoop, dos Vicentinos e ILPI São Vicente de Paulo, Academia na Praça Bambi, Universidade da Terceira Idade, Ministério Idade de Ouro (Igreja Batista Cumbica), Conselho Municipal da Pessoa Idosa, Fórum Popular da Pessoa Idosa, Associação dos Aposentados de Guarulhos, Pensionato São Francisco de Assis, Cáritas Diocesana e Conjunto Residencial Pimentas II.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

  1. Bruno disse:

    Lembrando que a tal lei dr 1988 foi revogada pelo estatuto do idoso, lei maior, que é de 2003…..acredito que perceberam o equívoco e recuaram…..graças a Deus….

  2. Everalda Vieira Santos disse:

    Então Bruno! liberaram o bilhete do idoso e, o gratuidade continua com restrição de horário,minha mãe te 86 anos não pode sair de casa porque faz parte do grupo de risco,sendo assim sou eu quem preciso sair para resolver as coisas para ela como buscar remédios e etc, e nem sempre tem como ir das 10;00 as 15;00 ou seja apesar de ter o bilhete gratuidade, preciso pagar passagens por que não posso usar o bilhete gostaria de saber se tem algum local que eu possa fazer uma reclamação,até mesmo falar com o Guti se for preciso.

  3. Everalda Vieira Santos disse:

    Então Bruno! liberaram o bilhete do idoso e, o gratuidade continua com restrição de horário,minha mãe te 86 anos não pode sair de casa porque faz parte do grupo de risco,sendo assim sou eu quem preciso sair para resolver as coisas para ela como buscar remédios e etc, e nem sempre tem como ir das 10;00 as 15;00 ou seja apesar de ter o bilhete gratuidade, preciso pagar passagens por que não posso usar o bilhete gostaria de saber se tem algum local que eu possa fazer uma reclamação,até mesmo falar com o Guti se for preciso

Deixe uma resposta