92,8% dos municípios da Bahia têm o transporte intermunicipal proibido

Publicado em: 21 de julho de 2020

Foto: João Alípio F. Dutra de Souza

Medida estadual busca impedir maior avanço da Covid-19 nas cidades baianas

WILLIAN MOREIRA

O Governo do Estado da Bahia, por meio de Decreto Estadual assinado pelo governador Rui Costa, elevou para 387 o número de municípios proibidos de receber transporte coletivo intermunicipal, público e privado, rodoviário e hidroviário, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de vans.

As cidades de Barra da Estiva, Bonito, Catolândia, Feira da Mata, Ibiquera, Licínio de Almeida, Pedrão, Rio do Antônio e Várzea do Poço precisam aderir ao decreto até o dia 31 de julho de 2020.

Ibitiara e Novo Horizonte passam a ser parte do pequeno grupo de localidades que ainda podem permitir este tipo de transporte, por não terem apresentado novos casos do coronavírus nos últimos 14 dias.

Nesta segunda-feira, 20 de julho, parte da categoria protestou na capital Salvador, contrária ao decreto, que já teria causado demissões e a eminente possibilidade de outros cortes em postos de trabalho.

Relembre: https://diariodotransporte.com.br/2020/07/20/rodoviarios-da-bahia-protestam-contra-medidas-de-restricao-ao-transporte-de-passageiros/



Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta