ASSISTA: Santo André está pronta para retomada e São Bernardo do Campo pode reabrir comércio sem aval de Doria, dizem prefeitos

Publicado em: 4 de junho de 2020

Em Santo André, prefeito fala que não há critério técnico para que a cidade não retome atividades. Foto: Adamo Bazani.

Em SBC, horários de funcionamento dos estabelecimentos serão escalonados

JESSICA MARQUES

Os prefeitos de Santo André e São Bernardo do Campo, no ABC Paulista, Paulo Serra e Orlando Morando, informaram nesta semana, por meio das redes sociais, que as cidades já estão prontas para a retomada das atividades.

Em São Bernardo do Campo, Morando diz que se a capital reabrir comércio, a cidade tomará mesma medida sem o aval do governador João Doria. Além disso, o prefeito afirmou que o funcionamento do comércio será feito de forma escalonada.

“No meio de uma pandemia se a gente perder a coerência se perde tudo”, disse. “Se o prefeito [de São Paulo] abrir antes do dia 15 eu abro também, estamos seguindo a coerência, mesmo se o governador não deixar. Não estou aqui para desafiar ninguém, agora o que eu vou continuar seguindo é a ciência e a lógica”, afirmou também Morando.

“Nosso plano de retomada está pronto. O decreto nosso está pronto. Vamos flexibilizar os horários para não precisar todo mundo entrar no mesmo horário”, explicou o prefeito de São Bernardo.

Assista:

SANTO ANDRÉ

Por sua vez, o prefeito de Santo André afirmou que não há critério que impeça a cidade de retomar as atividades junto com a capital paulista, no dia 15 de junho, data prevista para que isso ocorra.

“De cinco índices, Santo André tem dois na verde, mais próximos da flexibilização, dois na amarela e um na laranja. Não tem nenhum critério técnico e científico para que Santo André não faça a evolução que nos permita uma retomada com um plano gradual e responsável”, disse Paulo Serra.

“Com esses números, a gente tem muita convicção de que seremos incluídos pelo estado na mesma data de retomada da capital, que é dia 15 de junho”, afirmou também. “Nossos números já permitem essa evolução”.

DADOS DA CIDADE

A capital está na fase laranja e Santo André, na vermelha. Contudo, a taxa de ocupação de leitos de UTI (unidade de terapia intensiva) está em 44%, segundo Serra, enquanto o critério é que a cidade que esteja abaixo de 60% possa iniciar a retomada.

Outro dado apresentado pelo prefeito é o número de leitos de UTI para cada habitante. São Paulo tem 9,6 leitos para cada 100 mil habitantes, enquanto Santo André tem 56,07.

“No número de novos casos é o único em que a cidade perde para a capital paulista. São Paulo tem 1,45 e nós temos 1,72, porque Santo André é uma cidade das que mais testa, a gente é a segunda do estado proporcionalmente que mais faz testes. Esse número vai crescer, mas não são casos sintomáticos que dependem de cuidados médicos”, detalhou também.

O prefeito explicou ainda que o número de novas internações se encaixa na zona de flexibilização da faixa amarela, assim como o de óbitos.

“Já estamos preparando a cidade e os corredores comerciais para que a gente dê esse próximo passo a partir do dia 15 de junho”, disse também o chefe do Executivo.

Confira o vídeo, na íntegra:

ABC PAULISTA

Os prefeitos do ABC Paulista discordaram da decisão do governador de São Paulo, João Doria, de não mudar a classificação da região nas fases da quarentena da faixa vermelha (a mais severa) para a faixa laranja, igual da capital paulista, que tem várias restrições, mas já permite o funcionamento de algumas atividades.

Segundo o presidente do Consórcio Intermunicipal Grande ABC e prefeito de Rio Grande da Serra, Gabriel Maranhão, em entrevista coletiva na tarde desta quarta-feira, 03 de junho de 2020, a região atendeu a diversos critérios que permitiriam a mudança para a fase 2 (laranja).

Relembre: Prefeitos do ABC discordam de decisão de Doria de manter fase da quarentena e reclamam da falta de diálogo da gestão Bruno Covas

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

  1. Celso Finatelli disse:

    Agora só falta os ônibus começarem a circular,pq está demorando 40 min e chega lotado!

  2. luh disse:

    PARABENS aos Prefeitos PauloSerra e Orlando Morando. As cidades apresentas MELHORES CONDIÇOES q Sao PAulo q vai reabrir NO GRITO. Entao eh mais q justo a reabertura tbem no ABC. Quem PUDER, fica em casa.

  3. Neuma coelho de Sousa. disse:

    Eu tô com os prefeitos, as lojas tem que reabrir, só é ter regras, só entra com máscaras e distância de uma pessoa para outra, fazendo assim certinho, vai dar tudo certo.

  4. Francisco disse:

    Orlandinho não vê a hora de voltar a faturar com as centenas de radares móveis escondidos atrás de árvores e postes.

  5. Corri a Oliveira Lima, rua principal de Santo André nesta quinta, e boa parte segue as regras,,,Mas as de 1,99 peca ainda…

  6. Gustavo benini Nogueira disse:

    Gustavo concordo com os prefeitos tem que abrir junto com a capital é só po regras máscaras, álcool gel, e limites de pessoas

  7. Paulo Roberto Postigo de Oliveira Bittencourt disse:

    Só que as pessoas não respeitam regras

  8. Paulo Roberto Postigo de Oliveira Bittencourt disse:

    Não vai!! Não estamos preparados para seguir regras, não temos nenhum tipo de educação e preparo psicológico e social para isso

  9. Solange Ferreira De Jesus disse:

    O problema e que as pessoas não respeitam discordo de você

  10. Claudio Antonio Da Silva Filho disse:

    Quanto aos radares escondidos é só não ultrapassar a velocidade permitida, ou são os radares que cometem infrações?!?

  11. Wagner disse:

    Tem que abrir a economia urgente tem muitas empresas já foram a falência e gente passando necessidade e muito fácil ficar na casa confortavelmente dizendo para prorrogar morrer faz parte ou vai ficar para semente claro respeitando todos os critérios do ministério da saúde a economia anda junto com a saúde um depende do outro vamos esperar até o Natal m? Não da mais

  12. PEREZ MATOS disse:

    Claufio Antônio da Silva Filho, em resposta à tua pergunta: “Ou os radares cometem infrações?” , a resposta é SIM, não exatamente os radares obviamente, mas os que determinam sua colocação em locais escondidos, visto que a lei determina que sejam colocados em locais plenamente visíveis e que haja avisos sobre eles. Quanto a obrigatoriedade de os condutores evitarem o excesso de velocudade, óbvio também, sem comentários.

  13. Antônio Celso Ferreira de souza disse:

    Gostaria de saber em quais dados científicos estão baseadas as aberturas. Em ascensão, abrimos?

  14. Eduardo Zaparoli disse:

    Quem acha que não deve reabrir é só continuar em casa!

  15. Patricia disse:

    O assunto é outro aqui não sobre radar obedecer velocidade é só !!!! Com isso ninguém toma multas .

  16. Rodrigo nuned disse:

    o problema é que os governadores estão usando o vírus para de defanar o Brasil. pois a maioria dos políticos são contra o presidente. todos querem colocar o Brasil no topo de mortos e contaminados o Brasil tá longe desses números anunciados .como é possível uma pessoa morrer e já ter diagnóstico do covid 19 se não estao fazendo autópsia. digo porque não só ouvi vários casos .assim como presenciei .a pessoa morre em casa e não vem a perícia para levar o corpo para o iml. vem o serviço do cemitério que põe o corpo no caixão. lacra e leva pra ser sepultado. é uma verdadeira calamidade . não digo que não há a doença só os números é que não são reais

    .

  17. ANGELA disse:

    Desculpe, tive sintomas de covid, passei no Sus de Santo André dia 15/05 e me informaram que não estavam fazendo testes, que era somente para casos graves, de internação.

  18. marliris Gonçalves disse:

    São uns malditos só pensam em dinheiro até atingir toda a família deles pouco se importam com quántos estão morrendo e a dor dos familiares. Corja de abutres

  19. Francisco Soto Martins disse:

    Estou com muita saudade do Parque Central!!!

  20. marcia cristina v moral disse:

    Precisamos que o transporte em Santo André volte ao normal principalmente o trolebus,porém com essa discussão entre prefeituras e governador o povo que fica em aglomeração nos transportes e prejudicado mais uma vez.

Deixe uma resposta