Por decisão judicial, licitação de análise técnica de expansão da linha 2-Verde é suspensa

Publicado em: 6 de maio de 2020

Serviços seriam para acompanhamento técnico do projeto executivo para o trecho entre Vila Prudente e a Penha. Se não houver uma solução jurídica em tempo hábil, os cronogramas podem ser comprometidos.

ADAMO BAZANI

O Metrô de São Paulo publicou comunicado oficial nesta quarta-feira, 06 de maio de 2020, sobre a suspensão de uma concorrência para análise do projeto executivo das obras de expansão da linha 2-Verde para a zona Leste de São Paulo.

A suspensão foi determinada pela Justiça após ação de uma das concorrentes.

Os trabalhos consistem na prestação de serviços técnicos especializados de engenharia e arquitetura para assessoria na análise e aprovação dos projetos executivos da obra civil, acompanhamento técnico do projeto e homologação da superestrutura de via permanente, e apoio à gestão administrativa para o empreendimento da linha 2-Verde, no trecho logo depois da estação Vila Prudente e o VSE Padre João.

VSE é a área de Ventilação e Saída de Emergência.

O VSE Padre João requer uma área de 917,57 metros quadrados em terreno desapropriado e fica na rua Padre João, na região da Penha.

O Metrô informou no comunicado que pretende relançar a licitação, mas ainda não deu data.

A licitação não é da obra em si, mas este acompanhamento é essencial para a execução dos trabalhos. Se não houver uma solução jurídica em tempo hábil, os cronogramas podem ser comprometidos.

Como mostrou o Diário do Transporte, o governo do Estado assinou a ordem de serviço dos lotes 01, 03 e 04 do prolongamento da linha.

Segundo previsão do Metrô, as obras da extensão da linha 2-Verde do Metrô entre Vila Prudente e Penha, na zona Leste, devem ser concluídas em seis anos.

O novo trecho deve receber 300 mil passageiros por dia e os investimentos totais serão de R$ 6,3 milhões. Com isso, a demanda da linha deve ser de 1,1 milhão.

Será usado um Shield, o chamado Tatuzão, que faz a perfuração subterrânea. A contratação do equipamento pode demorar quase um ano.

A linha 2-Verde será prolongada também para Guarulhos.

Serão 5,9 km e seis estações entre Penha e Guarulhos.

Quando concluída a extensão até Penha, a Linha 2-Verde terá 23 km de extensão, com 22 estações desde a Vila Madalena. Passará a ser a linha de metrô mais extensa de São Paulo, conectando-se diretamente com as linhas 1-Azul (Paraíso e Ana Rosa), 3-Vermelha (Penha), 4-Amarela (Paulista), 5-Lilás (Chácara Klabin), 15-Prata (Vila Prudente) e 11-Coral (Penha), transportando mais de 1,1 milhão de pessoas por dia.

Relembre: https://diariodotransporte.com.br/2020/01/17/doria-e-baldy-dizem-que-extensao-da-linha-2-verde-para-penha-ficara-pronta-em-seis-anos/

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta