Prefeitura de Campinas afirma que valores de tarifas de ônibus estão mantidos e não confirma aumento por enquanto

Publicado em: 3 de janeiro de 2020

Em último reajuste, tarifa passou de R$ 4,30 para R$ 4,55 no Bilhete Único. Foto: Adamo Bazani.

Segundo Emdec, último reajuste ocorreu há menos de seis meses

JESSICA MARQUES

A Prefeitura de Campinas, no interior de São Paulo, por meio da Emdec (Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas), informou em nota ao Diário do Transporte que os valores das tarifas do sistema de transporte público coletivo do município estão mantidos.

Além disso, a Emdec citou que o último reajuste no valor da passagem de ônibus ocorreu há menos de seis meses no município de Campinas. Ao ser questionada, a empresa municipal não confirmou se haverá reajuste na tarifa.

“Não há nenhuma novidade sobre o tema. Os valores das tarifas do sistema de transporte público coletivo do município estão mantidos. Lembrando que a última recomposição de tarifa ocorreu em julho de 2019. Portanto, irá completar apenas seis meses”, informou a Emdec, ao ser questionada se haverá reajuste de tarifa neste início de ano.

O último reajuste entrou em vigor em 07 de julho de 2019. Na época, o valor da tarifa no Bilhete Único, utilizado por 92% dos passageiros, passou de R$ 4,30 para R$ 4,55 (reajuste de 5,81%).

O passe estudante, que tem 60% de desconto, foi a R$ 1,82 e o o passe universitário, com 50% de desconto, foi para R$ 2,28.

Segundo a Prefeitura, o aumento ocorreu depois de um ano e meio sem reajuste e a reposição foi abaixo da inflação no período (janeiro de 2018 a maio de 2019) medida pelo IPCA, que foi de 6,05%.

Relembre: Campinas anuncia reajuste na tarifa de ônibus para a partir de 07 de julho

 Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

Deixe uma resposta