ANTT autoriza transferência de mercados da Real Expresso para a Consórcio Federal de Transportes

Publicado em: 13 de dezembro de 2019

Foto: Adivaldo Almeida

Agência publicou outras deliberações autorizando empresas a operar por transporte regular e de fretamento

ALEXANDRE PELEGI

A Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Transportes Terrestres – ANTT atendeu ao pedido de transferência da empresa Real Expresso Ltda para o Consórcio Federal de Transportes, dos mercados:

De: Feira de Santana/BA, Ibitiara/BA, Ibotirama/BA, Itaberaba/BA, Salvador/BA e Seabra/BA,

Para: Alvorada do Norte/GO, Formosa/GO e Posse/GO.

As duas empresas pertencem ao Grupo Guanabara, de Jacob Barata.

13dez_1048

Já pela Deliberação nº 1.047, a ANTT autorizou a empresa VAT – Viação Adamantina de Transportes Ltda a prestar o serviço regular de transporte rodoviário coletivo interestadual e internacional de passageiros, sob o regime de autorização.

13dez_1047.png

FRETAMENTO

A Agência aprovou, por meio de duas Deliberações (1049 e 1054) o recadastramento de  várias empresas para o transporte rodoviário em regime de fretamento.

13dez_104913dez_1054

Por meio de outras três deliberações (1052, 1053 e 1059) a Agência autorizou as empresas relacionadas abaixo para a prestação do serviço de transporte rodoviário realizado em regime de fretamento;

13dez_105213dez_105313dez_1059

LINHA NEGADA

Por intermédio da Portaria 273, o Superintendente de Serviços de Transporte de Passageiros da ANTT negou à empresa JBL TURISMO LTDA a implantação de seção na linha Rio de Janeiro (BR) – Santiago (CHL), prefixo 07-0047-00.

13dez_portaria273.png

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta