Mercedes-Benz lança nova linha da Sprinter

Veículos contam com novo design e itens de tecnologia

ADAMO BAZANI
Colaborou Jessica Marques

A Mercedes-Benz apresentou na noite desta quinta-feira, 26 de setembro de 2019, a nova linha da Sprinter.

A apresentação ocorre nesta noite em São José dos Pinhais, Região Metropolitana de Curitiba, com cobertura do Diário do Transporte.

Entre as novidades estão design mais moderno, como faróis em posição mais alta, o que, segundo a Mercedes-Benz, facilita a manutenção em caso de colisões.

Os novos veículos, tanto de carga como de passageiros, oferecem algumas soluções tecnológicas para facilitar a operação principalmente em tráfego urbano.

50d7367d-ccce-4784-9306-2d3e1bb3ea75

Entre algumas destacadas no evento estão:

– Direção elétrica em toda a linha;
– Sistema de reconhecimento de obstáculos, pedestres e ciclistas para evitar acidentes;
– Volante multifuncional, com acionamento de diversas aplicações por botões mais ergonômicos;
– Sistema de ignição sem chave.

0d46fc4f-66e1-45c8-ad15-f316f7632276

A Mercedes-Benz diz que um dos objetivos do lançamento é aproximar o conforto dos carros ao veículo comercial leve da marca.

Confira a entrevista com o diretor de vendas e marketing de vans do Brasil, Jefferson Folegatti Ferrarez:

Lançamento da nova linha de Sprinter, quais as principais novidades que você destaca para o leitor e para o ouvinte do Diário do Transporte?

Esse veículo traz diversas novidades, mas eu vou destacar só algumas, porque realmente o pacote é bem grande. Quero destacar o novo sistema de interatividade, o exclusivo da marca Mercedes-Benz, que traz muito mais inovação no sentido de trazer um painel com touchscreen para que o motorista possa, além de mexer nas funções de mídia do veículo, ele possa espelhar o celular.

Ele tem também a possibilidade de ver tudo o que acontece com a câmera de ré do veículo, e a interatividade também no volante multifuncional, ele controla todas as funções, seja de bordo do veículo do carro ou da multimídia ali do volante. Então, é uma novidade que vai agregar muito valor para o cliente.

Saliento também a direção elétrica, exclusividade da marca para o segmento. Isso daí vai trazer muito mais conforto e facilidade de manobras e direção, seja no trânsito seja nas rodovias, porque a direção elétrica é progressiva também. Ou seja, conforme aumenta a velocidade, ela traz mais rigidez e maior possibilidade de segurança, de controle do veículo por meio do motorista.

Em toda a linha?

Em toda a linha, isso é de série. Outro item que é de série e é um avanço tecnológico incrível para a segurança é o Assistente Ativo de Frenagem. Esse sistema auxilia bastante o motorista pra evitar colisões no trânsito, seja para objetos que estão estáticos ou móveis, inclusive pra ciclistas e pedestres numa situação de perigo.

Ou seja, inúmeras as novidades. Não precisa mais de chave pra ligar o carro, virou um automóvel de fato a condução dentro de uma Sprinter.

E no design também? Por exemplo, a posição dos faróis mais alta por causa de questão de colisões, facilita a manutenção?

A nova Sprinter, além de linda e com linhas modernas, trouxe essa solução que você mencionou agora. O novo farol está em uma posição mais elevada, permitindo assim com que ele fique em uma área um pouco mais recuada e mais protegida, por exemplo, daquelas pequenas colisões ou encostadas que acontecem na hora de manobrar um veículo, em um estacionamento, por exemplo. A área de contato vai ser no para-choque e não no farol, e aí evita qualquer trinco ou qualquer dano, reduzindo assim o custo com manutenção do veículo.

E eu falei do para-choque, mas o para-choque ficou ainda mais robusto, envolvente, isso além da questão do design, da beleza, traz mais robustez para o veículo.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes
Colaborou Jessica Marques

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Renato Sintlinger disse:

    Qual o motivo de não ter no Brasil, uma van com câmbio automático? Sendo que na Europa possui há muito tempo. Custo por custo não é o caso, pois os caminhões de todas montadoras têm.
    Seria muito benvinda, eu mesmo já teria uma.

    1. Aroldo Fernando Alves Pereira disse:

      Exatamente! Também faço a mesma pergunta!

      Esse é o Brasil que eu não quero, aqui é tudo atrasado 😭

    2. Aroldo Fernando Alves Pereira disse:

      Cadê a versão automática???

      Eh Brasil brasileiro, aqui é tudo atrasado!😭

  2. Altair disse:

    Tenho uma 515 /2013 ja gastei mais de 5 mil e ninguem acha o defeito fraco para subir

  3. Raimundo bispo dos Santos disse:

    O valor desse carro hoje seria seria de guanto

  4. Sérgio Luiz Magalhães disse:

    O vidro do teto poderia ser móvel para abrir e fechar, assim poderia ser possível maior ventilação para aqueles q não gostam ou não podem com ar condicionado.

  5. Edmarcos disse:

    Tb gostaria de saber o valor.

  6. albuquerque disse:

    cambio automático porque não é tão cara porque sim

  7. Rodrigo Zika! disse:

    Não gostei muito porque ficou parecido com o Doblo e o Cangoo.

  8. Djalma disse:

    Quando vira a Sprinter com câmbio automático e 4×4 , venderia igual água gelada no verão carioca .

  9. Jose Carlos Borges Ferreira disse:

    Meu sonho de consumo é ter uma dessa

  10. Elder Diaz disse:

    Só comprarei quando tiver versão automática

  11. Caio disse:

    Realmente não sabemos porque aqui no Brasil ainda não temos com cambio automatico, sendo que os PCD não podem dirigir com cambio manual!

  12. ismael dias vieira disse:

    Vamos ter que importar da Alemanha com cambio automatico

Deixe uma resposta