Prefeitura de Salvador testa aplicativo para pagar passagem de ônibus

Publicado em: 18 de agosto de 2019

Testes têm início nesta semana

JESSICA MARQUES

A Prefeitura de Salvador, na Bahia, vai começar a testar nesta semana um aplicativo para o pagamento de passagem de ônibus urbanos. A informação foi divulgada pelo secretário de Mobilidade de Salvador, Fábio Mota, à imprensa local.

Segundo a Prefeitura, a ferramenta será testada na linha especial com o ônibus elétrico E135 – Shopping Paralela/Cidade do Clima (Climate Week), que funcionará durante a Semana do Clima (19 a 23 de agosto) em Salvador.

O aplicativo chamado “Vá de Buzú”, que começa a funcionar nesta segunda-feira, 19 de agosto de 2019. Com a ferramenta, o passageiro poderá pagar a passagem verificando o QR-Code no validador do ônibus e passar na abertura da catraca.

Após a semana de testes, dez outros veículos passarão também a trabalhar com o dispositivo por cerca de mais 60 dias, segundo o secretário.

Depois, vamos avaliar os resultados e produzir os relatórios indicado se a implantação será definitiva ou não”, disse Fábio Mota.

“Estamos ouvindo as operadoras, pois uma das metas dessa ferramenta é possibilitar o aumento da quantidade de passageiros pagantes”, acrescentou o secretário, ressaltando que Salvador possui 32 milhões de usuários por mês do transporte público, mas apenas 18 milhões são pagantes.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Comentários

  1. Gilvan disse:

    Ai sim em, enquanto uns lugares insistem em ficar na era da pedra lascada mantendo cobradores outtros municipios estão em outro nível. Parabéns Salvador.

  2. Liliane Melo disse:

    Se a integração valer para o app, vai ser muito bom. Fora isso é só mais um meio de pagamento (válido).

  3. Gildasio disse:

    Mais desemprego.
    E todo mundo expondo o celular dentro do ônibus.

    1. Gilvan disse:

      Nego reclama que o país não vai pra frente, mas não para de defender cobrador.

  4. Josivaldo Lemos de Souza disse:

    Quem vai arca com os furtos e roubo de celular nesses ônibus,fica com a palavra os direitos humanos e autoridades de defesa do direito do cidadão!

  5. William disse:

    Cada comentário que aparece aqui, viu? Em primeiro lugar, caso seja aprovado, o uso do aplicativo será opcional e vai trabalhar em conjunto com os atuais cartões de passagem. O salvador card e o cartão do metrô não serão extintos. Em segundo lugar, hoje o que mais tem é gente usando os celulares nos ônibus, então essa desculpa de furto não cola. Quem não quiser ser “furtado”, basta continuar usando o cartão convencional.

Deixe uma resposta