Governo do Distrito Federal divulga balanço de ações para transporte público no primeiro semestre de 2019

Publicado em: 10 de julho de 2019

Operação EPTG, iniciada em março, diminuiu em até 30 minutos o tempo de viagem no transporte coletivo e aumentou em 20% a fluidez, de acordo com o Governo. Foto: Acacio Pinheiro / Agência Brasília.

Renovação da frota e novas linhas de ônibus, adoção da faixa reversa na EPTG e operação contra fraude no sistema de bilhetagem eletrônica estão entre itens destacados

JESSICA MARQUES

O Governo do Distrito Federal divulgou um balanço de ações para transporte público no primeiro semestre de 2019, primeiros meses da atual gestão no setor. Renovação da frota e novas linhas de ônibus, adoção da faixa reversa na EPTG e operação contra fraude no sistema de bilhetagem eletrônica estão entre os itens destacados.

A Operação EPTG, iniciada em março, diminuiu em até 30 minutos o tempo de viagem no transporte coletivo e aumentou em 20% a fluidez, de acordo com o Governo. A alteração ocorre em dias úteis, das 6h às 9h e das 17h30 às 19h45.

De acordo com a Secretaria de Transporte e Mobilidade, a inversão da via possibilitou a identificação de redução significativa no tempo de viagem dos usuários do Sistema de Transporte Público Coletivo, de cerca de 30 minutos.

“A medida é uma forma, também, de incentivar os usuários a deixarem os veículos em casa e utilizarem o transporte público”, explicou o secretário de Transporte e Mobilidade do DF, Valter Casimiro.

Ainda no transporte coletivo, a frota de ônibus foi renovada com a aquisição de 63 micro-ônibus para o sistema, também segundo o balanço divulgado pelo governo.

No primeiro semestre, o governo também lançou um edital de chamamento público para estudos de implantação de Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) nas avenidas W3 Sul e Norte. Por fim, para combater a fraude no sistema de bilhetagem, lançou a Operação Cartão Vermelho.

ATENDIMENTO

Ainda segundo o governo, o DFTrans ampliou para 35 guichês no posto do Sistema de Bilhetagem Automática (SBA), 21 a mais do que o número anterior. Em Brazlândia e Taguatinga, as linhas 409.1 e 963.1 ganharam mais viagens.

A região de Águas Claras ganhou a linha 0.952, com trajeto circular até o Taguatinga Shopping, passando pelas avenidas Araucárias e Castanheiras e pelas quadras 107 e 301.

Por sua vez, no Setor P Sul houve a ampliação da linha circular 933.6 para o atendimento nas vias P2 e P3, com 35 viagens nos dias úteis e 23, aos sábados. Aumentou, ainda, o número de viagens na linha 932.2, com 16 horários.

No Metrô-DF, a expansão do horário do funcionamento das estações metroviárias, com abertura às 5h30, deu mais alternativas à população. Após o novo horário, as estações passaram a funcionar a partir de 5h30, de segunda-feira a sábado, e a partir das 6h30 aos domingos.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta