Prefeitura de Santo André contrata empresa por R$ 1,66 milhão para instalar novos abrigos de ônibus

Publicado em: 2 de julho de 2019

Definição do layout dos pontos é de responsabilidade da empresa vencedora do certame, que deverá apresentar o projeto à Prefeitura. Foto: Adamo Bazani (Diário do Transporte) – Clique para ampliar

São dois lotes e contrato é de 180 dias

ADAMO BAZANI

A prefeitura de Santo André, no ABC Paulista, concluiu a licitação para a escolha da empresa que vai instalar 50 novos abrigos de ônibus na cidade.

De acordo com publicação no Diário Oficial do Estado de São Paulo, desta terça-feira, 02 de julho de 2019, a empresa selecionada foi a GP Comércio e Distribuidora de Mobiliário Urbano Ltda, que vai receber R$ 1,66 milhão – R$ 1.666.277,50 – pelos serviços.

A empresa é da cidade de Cedral, do interior de São Paulo, e está registrada em nome de Kátia Aparecida de Pádua Goloni e Márcia da Silva Goloni, segundo a Jucesp – Junta Comercial do Estado de São Paulo.

De acordo com a publicação são dois lotes, sendo que um é para cinco módulos de abrigos, com uma cota reservada de R$ 166.627,75, com prazo de 180 dias de contrato. O outro lote, também tem contrato de 180 dias, mas o valor é de R$ 1,49 milhão (R$ 1.499.649,75), englobando 45 módulos.

Conforme mostrou o Diário do Transporte, em 15 de maio, a licitação prevê a elaboração do projeto executivo, produção e instalação dos abrigos.

Ainda de acordo com a administração municipal, na época do anúncio da concorrência, a definição do layout dos pontos é de responsabilidade da empresa vencedora do certame, que deverá apresentar o projeto à Prefeitura.

Relembro:

https://diariodotransporte.com.br/2019/05/15/santo-andre-abre-edital-para-instalacao-de-50-abrigos-em-pontos-de-onibus/

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Comentários

  1. Que venha algo útil, bem elaborado, pois com as chuvas molham mais os passageiros os atuais, sem falar dos porcalhões que não pedem autorizações para propagandas e enfeiam a cidade. (poluição visual). Aliás a PMSA deveria cobrar dos anunciantes, dá um bom dinheiro..
    Poucos sabem que existe apenas um caminhão (para todos abrigos da cidade) para remover 1(um) abrigo e levar para reforma em Ribeirão Pires, levando 2 semanas para reposição.

  2. Marcos Martins disse:

    Boa tarde infelizmente mais uma superfaturação é triste demais

  3. Edinelson Batista disse:

    Que bom devem ter poltronas almofadadas para conforto dos usuários pelo valor acordado deve ser isso ou melhor acredito.

  4. Paulo disse:

    Então a partir de 2020 começam a mudança dos abrigos. Espero que seja para melhor porque os que tem hoje são uma vergonha.
    Outra coisa que quero ver são os novos carros prometidos para o mês de agosto, espero que não seja á gosto de Deus

  5. ANDRE FERNANDES disse:

    50 e um numero pequeno deve ser so na area central ate porque nos bairros a noiada destroi tudo inclusive as vidas deles

Deixe uma resposta