Volkswagen Caminhões e Ônibus adere ao Programa Logística Verde Brasil

Publicado em: 29 de junho de 2019

Segundo a montadora, custos também foram reduzidos. Foto: Divulgação.

Iniciativa amplia esforços que já reduziram em mais de 65% as emissões de CO2 no transporte interno

JESSICA MARQUES

A Volkswagen Caminhões e Ônibus informou, em nota, que agora é uma das participantes do Programa Logística Verde Brasil, que tem como objetivo promover a sustentabilidade na indústria.

Segundo a montadora, a iniciativa amplia esforços que já reduziram em 67% as emissões de CO2 (gás carbônico) no transporte interno, por meio da adoção de uma nova forma de deslocamento.

“Esse compromisso da empresa com a maior eficiência em sua operação será inclusive reconhecida na próxima edição do Guia de Excelência em Sustentabilidade da PLVB como referência no setor”, informou a montadora, em nota.

Nomeado como Drop & Hook, o projeto teve como foco a substituição de três carretas por um cavalo mecânico Constellation 19.330, no qual o engate e desengate ocorre de forma automática e rápida, possibilitando assim maior velocidade nas entregas de materiais, ganhos de produtividade, redução no consumo de combustível e nas emissões de poluentes.

“Projetos como o Drop & Hook ratificam o empenho da VWCO em se tornar uma empresa cada vez mais sustentável. Além de fazer o bem para o meio ambiente, investimentos como esse elevam as oportunidades do negócio como um todo. Um exemplo é a adesão ao Programa  Logística Verde Brasil”, afirmou, em nota, Adilson Dezoto, vice-presidente de Produção e Logística da VWCO.

Redução de custos

A empresa modificou o processo de transferência de componentes do centro de distribuição à linha de produção final, com um trajeto de 1,6 quilômetros de extensão.

“Identificada como um dos desafios para maior produtividade logística na fábrica, esta rota utilizava três caminhões durante cada turno de produção e operava com o triplo do óleo diesel utilizado atualmente com o projeto para adoção de somente um cavalo mecânico”, explicou a VWCO, em nota.

O veículo escolhido para a operação conta com uma cabine modificada, com porta de acesso traseira e quinta roda automatizada o que possibilita a troca rápida da carreta, contribuindo no aumento da eficiência, ainda de acordo com a Volkswagen.

“No geral, o custo total deste transporte ficou 60% menor, registrando uma economia de mais de 65% apenas com o gasto de combustível. As vantagens também se constatam em relação à emissão de poluentes, em que se observa uma diminuição de 67% com a otimização das rotas.”

Segundo a VWCO, com esta nova rota, a partir da implementação do veículo Drop & Hook, os custos de movimentação interna e emissão de poluentes foram reduzidos aproximadamente em 40%.

“O objetivo agora é aprimorar nossos conhecimentos juntamente com os integrantes do PLVB, assim como aumentar os investimentos ne sse campo para expandir projetos como esse para toda a nossa operação”, afirmou o vice-presidente.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Deixe uma resposta