Ônibus articulados de 21 metros começam a circular em 1° de janeiro em Cuiabá, diz prefeitura

Ar-condicionado e wifi são itens presentes na nova frota. Foto: Divulgação SCSPMC - Texto: Adamo Bazani (clique para ampliar)

Empresas compraram quatro veículos. Dois primeiros passam a circular na linha 313 e são as Pantanal Transportes

ADAMO BAZANI

A prefeitura de Cuiabá anunciou nesta sexta-feira, 21 de dezembro de 2018, que a partir de janeiro, o sistema municipal de transportes começa a contar com ônibus articulados dotados de ar-condicionado, internet a bordo por wifi, tomadas USB para carregar bateria de celulares e notebooks.

Serão quatro unidades que seguem as normais atuais de restrição de poluição e de acessibilidade.

Dois veículos foram comprados pela Pantanal Transportes e já no dia 1º de janeiro de 2019 passam a circular na linha 313, que atende a regiões como bairros CPA 1 e 3, Morada do Ouro, as Avenidas do CPA e Beira Rio até as proximidades da Unic.

No final de janeiro, a Integração Transportes e a Expresso NS colocam em operação outros dois veículos nas regiões dos bairros Parque Cuiabá (passando pelo Parque Atalaia, Cohab São Gonçalo, Centro) e o bairro Pedra 90 que fará o trajeto pela Av. Fernando Côrrea da Costa até o Centro.

Cada ônibus tem 21 metros de comprimento e capacidade para 152 passageiros, o que deve representar aumento da oferta de lugares.

Suspensão pneumática e câmbio automático são itens que, segundo a prefeitura, devem aumentar o conforto e a segurança durante a viagem e nos momentos de embarque e desembarque.

Os chassis dos veículos são da Volvo e os ônibus devem substituir modelos menores e mais antigos em circulação.

O diretor da Associação Mato-grossense de Transportadores Urbanos (MTU), Ricardo Caixeta, disse, em nota, que apresar do tamanho dos ônibus será possível agilizar as operações e que a direção é facilitada devido a tecnologia embarcada.

“É um ônibus que tem uma capacidade de carregamento muito maior e com isso será possível, nos horários de pico, dar uma agilidade maior para levar os passageiros até o centro. O veículo maior que o convencional demanda maior cuidado, mas com relação às curvaturas não haverá nenhum tipo de problema já que o sistema de articulação é justamente para permitir que o condutor faça as manobras em um raio de giro da mesma maneira que um ônibus convencional”

Os motoristas vão passar por um treinamento para aproveitar melhor todos os itens tecnológicos do modelo.

A compra ocorre a poucos meses da licitação que deve reformular o sistema de transportes de Cuiabá, prometida pela prefeitura para ser lançada em abril de 2019.

Como mostrou o Diário do Transporte, com a concorrência, o poder público estima que o sistema passe a ter testes com ao menos quatro ônibus de tecnologias menos poluentes, entre elétricos e híbridos, e receba investimentos de R$ 110 milhões.

Além disso, a Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) não descarta a possibilidade de implantação de um Veículo Leve sobre Trilho (VLT) municipal, que ficaria a cargo das empresas que ganharem a concessão de ônibus.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2018/12/21/cuiaba-vai-exigir-testes-com-onibus-hibridos-e-eletricos-em-licitacao-que-deve-ser-lancada-em-abril/

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. ANDRE FERNANDES disse:

    lindo esse biarticulado pena que no abc nao tem empresario de onibus serio so tranqueira junto a vereadores e prefeitos covardes

  2. Marquinho Curitibano ( Eterno Parabrisa ) disse:

    Olá Diário do Transporte; gostaria de saber se os extintos cobradores voltaram com esse novo transporte de articulado em Cuiabá???? Ou continua no cartão mesmo???

Deixe uma resposta