Busscar aprimora visual do El Buss 320. Veículo é a aposta da empresa para o setor de fretamento

Alterações no ônibus são discretas na parte dianteira e nas lanternas traseiras e trazem elementos que dão mais identidade da marca ao modelo mais simples da linha de produtos

ADAMO BAZANI

Principal aposta da Busscar para o mercado de  fretamento, o modelo El Buss 320, que encarroça chassis de motor dianteiro, ganhou atualizações estéticas.

As mudanças, que são discretas, ocorrem pouco tempo depois do lançamento oficial do modelo em 27 de setembro, em Foz do Iguaçu, durante evento da Fresp, entidade que reúne as empresas de fretamento do Estado de São Paulo e da ANTTUR, associação nacional das companhias do setor.

A apresentação teve cobertura do Diário do Transporte.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2018/09/27/busscar-lanca-novos-modelos-de-onibus-em-evento-da-fresp-em-foz-do-iguacu/

As mudanças estéticas se concentram nas partes da frente e traseira.

As lanternas traseiras ganharam novos detalhes com o objetivo de melhorar a visibilidade e dar mais requinte ao veículo.

O para-choque dianteiro, que tinha uma grade aberta, cuja linha lembrava o modelo Solar, da Caio, passou a ser fechada, e incorpora o detalhe mais escuro (parecendo um bigode) a partir dos faróis presente nos outros modelos da linha. No caso do El Buss 320, este detalhe tem uma grade respiro.

A luz auxiliar do para-choque também ganhou em volta detalhes mais leves.

As primeiras unidades ainda serão produzidas.

A Caio pertence a sócios que também integram o controle da Busscar.

Projeção oficial da Busscar de como serão os próximos El Buss 320 – Divulgação Busscar- Reportagem: Adamo Bazani (Diário do Transporte)

Busscar El Buss 320 com o atual design – El Buss 320 – Divulgação Busscar- Reportagem: Adamo Bazani (Diário do Transporte)

Desde o ano passado, a encarroçadora de Joinville está sob nova direção, quando em 21 de março de 2017, o juiz da 5ª Vara cível de Joinville, Valter Santin Júnior, aprovou em sentença definitiva a compra de ativos da massa falida da Busscar pelo novo grupo. A empresa estava em recuperação judicial e teve a falência decretada pela primeira vez em 27 de setembro de 2012 pelo juiz Maurício Cavalazzi Povoas. A decisão foi anulada em 27 de novembro de 2013, após recursos judiciais. No entanto, os recursos caíram em 5 de dezembro de 2013. A família Nielson chegou a apresentar um novo pedido de recuperação judicial, mas o juiz Luis Felipe Canever, de Santa Catarina, após negativa por parte dos credores, decretou no dia 30 de setembro de 2014, nova falência da encarroçadora de ônibus Busscar, que já foi uma das maiores do Brasil.

A Busscar foi fundada, ainda como Nielson, em 17 de setembro de 1946.

MODELO É APOSTA PARA FRETAMENTO

O El Buss 320 foi apresentado para atender aos mercados de linhas rodoviárias de pequena distância, seletivas urbanas e metropolitanas e, principalmente, de fretamento.

Além de ter dimensões menores que os outros modelos da encarroçadora, a principal característica é que a carroceria foi desenvolvida para chassis com motor dianteiro, muito usados pelas linhas seletivas e pelo fretamento contínuo, que é aquele voltado para transporte de estudantes e trabalhadores, por exemplo, e, em geral, operado em trajetos curtos.

Com a recuperação gradativa da economia, as empresas reduziram o ritmo de demissões e algumas já começam a contratar de volta, o que impacta diretamente no segmento de fretamento contínuo.

No mercado, inclusive, há a máxima de que o fretamento é o primeiro a sentir a crise, mas um dos últimos a sentir a recuperação, que tende a ser mais lenta, já que o comportamento de diversos setores da economia varia muito.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

11 comentários em Busscar aprimora visual do El Buss 320. Veículo é a aposta da empresa para o setor de fretamento

  1. Rogério Edson Martinho // 3 de dezembro de 2018 às 20:59 // Responder

    Pena que continuam com esses retrovisores antigos ônibus bonito e moderno.. merecia um retrovisor moderno esse não combinou com esse carro .. que pena…..

  2. Acho que agora ficou perfeito, aquela entrada de ar gigantesca na dianteira estsva feia. Melhorou muito e deixou mais suave.

  3. Aos meus amigos da excelente equipe de designers da Busscar, não deu o OOOH!!! Ficou bem melhor que o Solar mas…
    Continuo com a posição de que a nova BUSSCAR deveria focar nos produtos TOP no qual ela com sua equipe de engenharia e produção ela é a melhor qualificada no mercado.
    A BUSSCAR tinha um conhecido e respeitado representante que dizia que os clientes para terem um produto BUSSCAR pagavam até 10% mais que o concorrente. Na linha Top com frequência isso acontecia. Produto de fretamento convencional deveria ficar com a Induscar-SP.
    Vocês são expert no que é o melhor.
    Abraço

  4. Sandro R dos Santos // 4 de dezembro de 2018 às 07:23 // Responder

    Agora melhorou a parte dianteira, aquele buraco que ficava na frente, dava impressão que faltava alguma coisa, refinou um pouco, mais ainda tem ajustes a serem feitos como os retrovisores. Vamos aguardando com o passar do tempo o pessoal com certeza irá aprimorar.

  5. Ronaldo bispo dos Santos // 4 de dezembro de 2018 às 10:26 // Responder

    Eu queria ter um desse perfeito e excelente pra mim trabalhar

  6. João Maria Pedroso leite // 4 de dezembro de 2018 às 13:27 // Responder

    Achei muito legal mesmo eu queria volta a trabalhar na buscar de novo que saudades que bom que voltou com tudo parabéns

  7. Alexsandro Gonçalves Fagundes // 4 de dezembro de 2018 às 13:50 // Responder

    Ficou bonito, maís a segurança para o motorista , ninguém pensa

  8. Ficou bom de mais! !! É bom saber que uma empresa do porte da BUSCAR esta voltando para o mercado novamente fiquei feluz de mais !!!!!!!! Felicidades BUSCAR

  9. Só ta faltando ” Joinville-Santa Catarina-Brasil, para ser um puro sangue Busscar.

  10. Legal…vi neste modelo o acesso para cadeirante…Que bom que essa lei de acessibilidade esta agora em vigor .Demorou, mas esta ai para ser cumprida.Minha esposa que e cadeirante esta feliz..Nao ve a hora de poder viajar num busscar com acessibilidade de verdade..E humilhante para um cadeirante sem acesso de verdade num rodoviario!

  11. Gostei ..vi que este modelo.ja vem com acesso para cadeirantes.Minha esposa esta feliz com a lei de acessibilidade em vigor ,demorou mas esta ai para se cumprir..Ela e cadeirante e nao ve a hora de viajar num busscar com acessibilidade de verdade .Parabens Busscar.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: