Angra dos Reis retoma programa ‘Passageiro Cidadão’ que concede desconto nas passagens de ônibus

Foto: Imagem TV Rio Sul

Moradores cadastrados não pagarão aumento da tarifa, que acabou de ser reajustada; diferença a maior será subsidiado pela Prefeitura

ALEXANDRE PELEGI

A prefeitura de Angra dos Reis, no Rio de Janeiro, vai trazer de volta o Programa Passageiro Cidadão.

O programa existia desde 2011, mas acabou suspenso pela prefeitura em janeiro de 2017 como parte de um pacote de medidas anunciadas pela administração local diante da crise financeira.

O benefício na tarifa garantia um valor menor para o passageiro usual, morador da cidade, diferença que era custeada pela prefeitura.

Neste final de semana o prefeito Fernando Jordão anunciou que vai retomar o “Passageiro Cidadão”, mas “de forma gradual e responsável”.  O prefeito condicionou a retomada à capacidade da administração pública de suportar o impacto financeiro.

O anúncio do retorno do programa de benefícios acontece no momento em que a prefeitura acaba de conceder reajuste à tarifa de ônibus na cidade. Desde a zero hora deste domingo, dia 4 de novembro de 2018, as passagens tiveram reajuste médio de 11,97%. O último aumento foi concedido no final de 2016. Relembre: Tarifas de ônibus em Angra dos Reis ficam mais caras a partir de domingo, 4 

O reajuste foi concedido por meio do Decreto nº 11.109, assinado no dia 25 de outubro de 2018, que explicita a planilha de custos apresentada pela atual concessionária do transporte público local – Viação Senhor do Bonfim, contendo os gastos da empresa com diesel, salários, encargos, entre outros.

Para que o benefício do desconto na tarifa volte a valer, no entanto, o Poder Executivo enviou à Câmara Municipal, nesta segunda-feira, dia 5 de novembro de 2018, um projeto de lei que autoriza descontos entre R$ 0,35 e R$ 1,00 na tarifa dos ônibus para as pessoas cadastradas no programa. O desconto vale para todas as linhas do transporte público municipal.

Com a retomada, a estimativa é que cerca de 70 mil moradores de Angra, cadastrados no Passageiro Cidadão, não pagarão pelo reajuste da tarifa, que será subsidiado pela Prefeitura. Quem não tem o cartão do programa poderá fazer um novo cadastro.

FUNCIONAMENTO DO DESCONTO:

Com o reajuste da tarifa, os novos valores passaram a ser:

Tarifa A – Valor passou de R$ 3,25 para R$ 3,60

Linhas: Circular, Marinas, Vila Velha, Circular Via Trevo São Cristóvão

Tarifa B – Valor passou de R$ 3,90 para R$ 4,30

Linhas: Cantagalo, Caputera, Camorim, Monsuaba, Jacuecanga, Frade Micro, Serra D’Água, Areal, Banqueta, Japuíba, Belém, Japuíba Gamboa (Via Balneário), Nova Angra, Vila Nova, Campo Belo, Japuíba X Ponta Leste, Belém X Jacuecanga, Retiro, Div Mangaratiba, Ponta Leste, Parque Mambucaba, Frade

Tarifa C – Valor passou de R$ 5,10 para R$ 5,60

Linha: Expresso Parque Mambucaba

Com o uso do cartão “Passageiro Cidadão” a diferença a maior, após o reajuste, será assumida pela prefeitura como subsídio:

Tarifa A, desconto de R$ 0,35 – valor final R$ 3,25 (mesmo valor antes do aumento concedido)

Tarifa B, desconto de R$ 0,40 – valor final R$ 3,90 (mesmo valor antes do aumento concedido)

Tarifa C, desconto de R$ 0,50 – valor final R$ 5,10 (mesmo valor antes do aumento concedido)

BOLSA FAMÍLIA

Os beneficiários do programa federal Bolsa Família, que somam aproximadamente 10 mil pessoas em Angra dos Reis, e que possuem o cartão do Passageiro Cidadão, terão um desconto maior, no valor de R$ 1,00 sobre a tarifa após o reajuste.

Tanto os usuários do Bolsa Família, como aqueles do Passageiro Cidadão, terão direito a duas passagens por dia, com exceção de domingos e feriados.

A estimativa da Prefeitura de Angra dos Reis é de que o subsídio alcançará aproximadamente R$ 411 mil por mês, 25% a menos do que consumia o programa no modelo anterior.

O Programa Passageiro Cidadão depende agora da autorização da Câmara para voltar a funcionar. Assim que isso ocorrer, os descontos serão concedidos automaticamente nos cartões dos usuários do programa.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: