Licitação do Transmilênio vai colocar no sistema 1.400 ônibus novos. Volvo vai fornecer 700 ônibus a diesel e Scania, 461 a gás natural

Volvo vai fornecer a maior parte dos veículos – Foto- Divulgação/Clique para ampliar

Proposta com ônibus elétrico não foi classificada. Um lote operacional ficou deserto

ADAMO BAZANI

A licitação das fases I e II do Transmilênio, sistema de BRT (Bus Rapid Transit) de Bogotá e região metropolitana, na Colômbia, será responsável pela colocação no sistema de cerca de 1400 ônibus novos entre o ano que vem e 2020. Os fornecedores de aproximadamente 1.200 mil ônibus já foram definidos.
Do total de modelos articulados e biarticulados que vão servir linhas troncais, 60% serão movidos a diesel, com padrões Euro V, e 40% serão ônibus a Gás Natural.

Nesta sexta-feira, 02 de novembro de 2018, o governo local divulgou os resultados dos vencedores, depois de uma audiência pública que durou das 9h00 às 19h00, segundo a imprensa colombiana.

Como divulgou o Diário do Transporte, em primeira mão na imprensa brasileira no início da manhã deste sábado, 03 de novembro de 2018, somente a Volvo vai fornecer em torno de 700 ônibus a diesel Euro V, mas com um filtro de materiais particulados que pode reduzir, segundo a fabricante, em 96% as emissões deste tipo de poluente. Os ônibus serão fabricados na unidade de Curitiba, que deve dobrar o movimento da linha de produção brasileira por causa desta compra. Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2018/11/03/volvo-vence-licitacao-e-vai-fornecer-700-onibus-brasileiros-para-bogota-o-maior-negocio-de-brt-da-decada/

Os 461 ônibus a Gás Natural serão fornecidos pela Scania que, no Brasil, tem planta em São Bernardo do Campo, no ABC Paulista.

Dos seis lotes operacionais licitados, cinco tiveram vencedores declarados e um foi considerado deserto.

A operadora SI2018 – Sistema Integrado de Provisón de Flota Si 2018 vai ser responsável pelos ônibus a gás natural, sendo vencedora em três dos cinco lotes: Suba, com uma frota de 125 biarticulados; o Portal Norte, com 172 articulados e 57 biarticulados; e o Calle 80 com 107 biarticulados.

Já o lote Tunal – Sur II foi vencido pela Bogotá Movil Provisón, com 196 articulados e 228 biarticulados a diesel.

A Plural Mc Masivo (Milenio, Missandei, Banquero Torres Y Arias Reyes) venceu o lote da região Usme com 92 articulados e 158 biarticulados a diesel Euro V com filtro de partículas.

O lote Americas foi declarado deserto e deve ser feita uma nova licitação. Para este lote, estão previstos 260 ônibus

Uma proposta de operação de ônibus elétricos, da Verde Transportes, foi desclassificada. A comissão julgadora disse que faltavam detalhes da viabilidade econômica.

BENEFÍCIOS:

O governo colombiano diz que, quando completa, a renovação da frota vai possibilitar uma redução de 7,2 toneladas de materiais particulados lançados na atmosfera, o que seria como se 87% da frota atual de ônibus fossem tirados da rua.

A frota, entretanto, vai aumentar, mas os ônibus serão menos poluentes.

A ampliação do total de ônibus articulados e biarticulados deve criar mais 140 mil vagas para passageiros no sistema.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

3 comentários em Licitação do Transmilênio vai colocar no sistema 1.400 ônibus novos. Volvo vai fornecer 700 ônibus a diesel e Scania, 461 a gás natural

  1. Muitos colegas especialistas e autoridades de transporte e meio ambiente, céticos e imobilizados frente a algumas aparentes dificuldades de articulação, declaravam incisivamente a parlamentares e agentes de defesa do interesse público e do meio ambiente, que não seria possível exigir filtros de particulas cancerígenas nos ônibus urbanos imediatamente, incluindo essa exigência nos requisitos desta nova licitação dos ônibus urbanos do Município de São Paulo.
    Pois bem, depois de tudo definido por aqui, sem qualquer chance aparente de reversão do que já está estabelecido no edital, queimaram a língua – e os pulmões dos paulistanos.
    “When there is a will there’s a way.”

  2. Na iminência da implementação de um programa gigantesco de adoção de ônibus elétricos pelo Município de São Paulo, os representantes de fabricantes de ônibus elétricos devem explicar em detalhes o porquê a proposta de Bogotá de adoção dos elétricos foi preterida pelos ônibus Euro 5 com filtro de particulas da Volvo e os a Gás Natural da Scania.

  3. Lamentável que o Brasil esteja atrasado a ponto de ficar para trás no transporte urbano de qualidade.

2 Trackbacks / Pingbacks

  1. Volvo vence licitação e vai fornecer 700 ônibus brasileiros para Bogotá, o maior negócio de BRT da década – Diário do Transporte
  2. Ônibus a Gás Natural vão contribuir para a redução das emissões de materiais particulados em Bogotá, diz Scania que vai fornecer 481 unidades com carroceria Busscar colombiana para o Transmilênio – Diário do Transporte

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: