Prefeitura de São Bernardo do Campo libera trânsito no Viaduto Castelo Branco

Trânsito de veículos na via foi liberado em ambos os sentidos. Foto: Gabriel Inamine

Projeto viário integra o Corredor Leste-Oeste e vai ligar a Rodovia dos Imigrantes à Anchieta

JESSICA MARQUES

A Prefeitura de São Bernardo do Campo, no ABC Paulista, liberou o trânsito no Viaduto Castelo Branco na tarde desta quinta-feira, 4 de outubro de 2018. O projeto viário integra o Corredor Leste-Oeste e vai ligar a Rodovia dos Imigrantes à Anchieta.

Os dois sentidos foram liberados para o tráfego de veículos. Com investimento de R$ 37 milhões, com recursos vindo da Caixa e do CAF (Banco de Desenvolvimento da América Latina), a via conta com 200 metros de extensão e dois viadutos, sendo cada um com três pistas de rolamento e nove metros de largura.

Segundo informações da Prefeitura, foram utilizados 3.026,00 m³ de concreto, 2.120,00 m² de pavimentação e 28 vigas metálicas. Também foi feita a readequação de uma alça de acesso, com 200 metros de extensão,e a construção e uma nova alça, no sentido Imigrantes, também com 200 metros.

“O empreendimento contou com cerca de 400 operários. As obras de duplicação da Estrada Samuel Aizemberg continuam, com previsão de entrega no fim do primeiro semestre de 2019”, garantiu a Prefeitura, em nota.

As obras estavam paradas e, após auditoria feita pelo IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas), o projeto foi retomado em janeiro de 2018. A Prefeitura informou que concluiu 84% das obras em nove meses e que foi necessário realizar a desapropriação de 3 metros de um antigo prédio da Telefônica, no início da Estrada Samuel Aizemberg.

CORREDOR DE ÔNIBUS FICA PARA 2020

A região também terá um corredor de ônibus na Avenida Humberto de Alencar Castelo Branco, segundo informações da Prefeitura. Neste caso, a via ligará o Terminal Metropolitano Piraporinha à Praça Giovani Breda, no bairro Assunção.

Com extensão aproximada de 4,25 quilômetros, a obra tem investimento total de R$ 30,7 milhões. A Prefeitura informou, em nota, que o prazo de conclusão está previsto para 2020.

As obras previstas para a cidade incluem ainda dois terminais: Grande Alvarenga (já inaugurado) e Batistini, cuja obra foi autorizada pelo prefeito Orlando Morando.

Além do Viaduto e do Corredor Castelo Branco, a cidade contará com os corredores Leste-Oeste, Rudge Ramos, Alvarenga, Estrada Galvão Bueno, São Pedro e Rotary.

A Prefeitura já inaugurou o primeiro corredor de ônibus da cidade neste ano.

Relembre: Primeiro corredor de ônibus de São Bernardo do Campo não considera linhas intermunicipais e gera congestionamento

Jessica Marques para o Diário do Transporte

1 comentário em Prefeitura de São Bernardo do Campo libera trânsito no Viaduto Castelo Branco

  1. Se é para fazer um corredor ligando o terminal Piraporinha, em Diadema, com a Giovani Breda melhor seria utilizar a Robert Kennedy, que já possui um trecho, mesmo que curto, com corredor central. A Castelo Branco é muito estreita para um corredor de ônibus.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: