Prefeitura do Rio de Janeiro suspende multas de vans aplicadas desde 2013

Punições são por motoristas do transporte alternativo fazerem itinerários para os quais não foram cadastrados

JESSICA MARQUES

Nesta semana, a Prefeitura do Rio de Janeiro suspendeu multas de vans aplicadas desde 2013. As punições são por motoristas do transporte alternativo fazerem itinerários para os quais não foram cadastrados.

A resolução com a suspensão das multas foi publicada no Diário Oficial desta sexta-feira, 28 de setembro de 2018, pela Secretaria de Transportes.

As multas foram aplicadas desde 2013 a vans que circularam fora dos itinerários permitidos nas zonas Oeste e Norte.

A medida que suspende as multas é válida por 30 dias e pode ser prorrogada pelo mesmo período.

As multas a vans que trafegam fora do itinerário também foram canceladas por 90 dias no Rio de Janeiro em abril. A decisão havia sido publicada pelo secretário municipal de transportes, Rubens Teixeira, no Diário Oficial, pouco antes de deixar o cargo.

Segundo informações da Secretaria Municipal de Transportes, na época foram identificadas falhas em diversos itinerários do Sistema de Transporte Público Local. Portanto, um grupo de trabalho ficou responsável por rever as rotas realizadas pelas vans, de acordo com a Portaria nº 27, de 30 de outubro de 2017.

Relembre: Multas a vans que trafegam fora do itinerário são canceladas por 90 dias no Rio de Janeiro

A nova resolução da prefeitura determina a suspensão também para todas as multas aplicadas por este motivo, inclusive as que já estão vencidas. As punições que ainda não foram lançadas também estão inclusas na decisão.

Em outubro de 2017, a Prefeitura havia determinado que as vans públicas poderiam trafegar em todas as vias da Zona Oeste, sem restrições de áreas. Em seguida, o município voltou atrás na decisão e determinou as multas.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta