Metrô de São Paulo lança edital para construção da estação Jardim Colonial da linha 15 Prata de monotrilho

Linha de monotrilho será menor que o projeto inicial, que deveria ter sido concluída em 2012. FOTO: GUILHERME LARA CAMPOS/A2 FOTOGRAFIA

Abertura dos envelopes com as propostas está prevista para 22 de outubro. Obra deve ser concluída em dois anos: 60% das obras devem estar prontas em 2019. Valor de referência estipulado pela Companhia do Metrô é de R$ 92,5 milhões

ADAMO BAZANI

A Companhia do Metrô de São Paulo lançou nesta sexta-feira, 14 de setembro de 2018, o edital de licitação para a construção da estação Jardim Colonial da linha 15 Prata de monotrilho.

Podem participar empresas isoladas ou agrupadas em consórcio e abertura dos envelopes com as propostas está prevista para ocorrer no dia 22 de outubro.

O principal critério de classificação é o menor preço oferecido pelas participantes.

A mais recente promessa do Governo do Estado era ter lançado a licitação em junho, com as obras concluídas até 2021.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2018/08/10/testes-programados-fecham-a-linha-15-prata-no-fim-de-semana/

De acordo com o edital, o contrato é de 28 meses. O prazo máximo para emissão da ordem de serviço é de 30 dias e, a partir da assinatura desta ordem, as obras devem ficar prontas em 24 meses.

O valor de referência estipulado pela Companhia do Metrô é de R$ 92,5 milhões, mas a empresa espera propostas com valores menores.

São previstos reajustes a cada 12 meses.

A licitação exige que 60% das obras sejam concluídos em 2019 e 40% até o final de 2020.

A empresa ou consórcio que ganharem não vão se responsabilizar apenas pela construção da estação. O contrato prevê a implantação de paisagismo, de iluminação, de uma ciclovia, dois biciletários e de nova sinalização viária na região até a estação São Mateus. A comunicação visual também é de responsabilidade da empresa ou do consórcio que vencerem.

Será necessário destinar ao menos 5% das vagas de trabalho para quem é egresso do sistema penitenciário

A estação terá 4,5 mil metros quadrados e nove escadas rolantes, sendo localizada entre as futuras estações Jequiriçá e São Mateus.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

1 comentário em Metrô de São Paulo lança edital para construção da estação Jardim Colonial da linha 15 Prata de monotrilho

  1. ……e a linha bronze, quando sairá dos projetos? O ABC está carente do Metrô!…….

2 Trackbacks / Pingbacks

  1. Linha 15-Prata fica fechada no fim de semana para testes programados – Diário do Transporte
  2. Metrô SP adia licitação da estação Jardim Colonial da linha 15-Prata – Diário do Transporte

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: