TRANSPÚBLICO 2018: Eletroventilador Inteligente da SPAL já está presente em ônibus de diferentes tecnologias e de diversas empresas no país

Eletroventilador é parte essencial em equipamentos de ar-condicionado e também atua em sistemas de refrigeração de ônibus hidráulicos e 100% elétricos

ADAMO BAZANI / ALEXANDRE PELEGI

A empresa italiana SPAL Automotive foi apresentada ao leitor do Diário do Transporte por meio de sua parceria vitoriosa com a americana Modine, líder mundial em gerenciamento térmico.

O resultado da junção das equipes das duas empresas foi a introdução no mercado brasileiro de um novo sistema de arrefecimento do motor para ônibus que funciona com ventiladores elétricos em lugar da maneira tradicional, que gira à base de caros ventiladores hidráulicos.

Chamada de Electric Engine Cooling (EEC), a inovação foi apresentada na edição anterior da Transpúblico, que aconteceu em agosto de 2017. Hoje, o sistema já roda em 6 ônibus de diferentes operadoras do sistema de transporte coletivo urbano de São Paulo, além de um ônibus rodoviário da empresa Breda, que faz a rota São Paulo – Peruíbe. Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2018/07/20/breda-e-a-primeira-empresa-do-pais-a-usar-nova-tecnologia-de-resfriamento-de-motores-em-onibus-rodoviario/

Agora a novidade da SPAL Automotive Brasil, trazida à Lat.Bus Transpúblico 2018, é o novo Eletroventilador Eletrônico Inteligente Sem Escovas, que equipa sistemas de ar-condicionado instalados em ônibus de diversas empresas brasileiras, bem como está presente também em ônibus de diversas tecnologias, como hidráulicos e 100% elétricos.

Com motor eletrônico inteligente, totalmente selado e sem escovas, o novo Eletroventilador, além de extremamente silencioso, alonga bastante a vida útil do equipamento, garantindo uma durabilidade de mais de 40 mil horas de uso contínuo, o dobro da vida útil dos modelos tradicionais.

Em entrevista ao Diário do Transporte nesta quarta-feira, dia 1º de agosto, Paulo Leme, diretor geral da SPAL Automotive do Brasil, falou e demonstrou os diferentes usos e funcionalidades do produto, percorrendo a Feira e apontando três casos em que o Eletroventilador já é utilizado no país.

COMIL

CASE 1: COMIL DOUBLE-DECKER CAMPIONE INVICTUS –  Sistema de ar-condicionado


CAIO_BYD

CASE 2: ÔNIBUS 100% ELÉTRICO BYD – Resfriamento da parte elétrica

Outro exemplo de utilização do eletroventilador inteligente apresentado ontem por Paulo Leme foi em ônibus elétricos produzidos pela gigante chinesa BYD. Nesse caso, o eletroventilador é utilizado para fazer o resfriamento da parte elétrica do veículo:


 

eletra_dualbus_2

CASE 3: CASIO MILLENIUN 3 DA ELETRA – DUAL BUS – Resfriamento da parte elétrica

Com uma breve apresentação do sistema de controle que garante o gerenciamento de energia e a segurança do ônibus feita por um engenheiro da Eletra, vimos que a Eletra é outro parceiro dos produtos da SPAL no Brasil.


SOBRE A SPAL:

mat_lat_bus_SPAL_BUILDING

Sede da SPAL na Itália

Fundada na Itália em 1959, a SPAL inicialmente se especializou em projeto e produção de moldes de plástico, e agora, passados mais de 30 anos, projeta, produz e comercializa ventiladores axiais de alto desempenho, além de sopradores centrífugos para carros, ônibus, veículos off-road, máquinas de construção, tratores agrícolas, caminhões, powersports e equipamentos industriais.

A empresa italiana tem uma forte presença no mercado global: atualmente sua unidade de produção em Correggio, comuna da província italiana de Reggio Emilia, ocupa uma área total de produção de 80.000 m², com mais de 1.000 funcionários, onde abriga os departamentos de engenharia, pesquisa e desenvolvimento e fabricação. São seis linhas de produção automatizadas, que têm capacidade para produzir mais de 5 milhões de eletroventiladores por ano.

Não à toa, a SPAL Automotive é líder mundial no projeto e fabricação de eletroventiladores axiais e centrífugos (Blowers) 12V e 24V utilizados pela maioria dos fabricantes de veículos e equipamentos.

Paulo Leme cita alguns exemplos de aplicação dos eletroventiladores: “sistema de ar-condicionado para ônibus, micro-ônibus e vans; sistema de refrigeração para caminhões baú; sistema de arrefecimento do motor; refrigeração do óleo hidráulico; refrigeração do sistema de freio; defroster; cortinas de ar; dentre outros”.

Outros dois produtos, além do EEC, foram apresentados na Transpúblico 2018: o sistema para resfriamento de freio e a nova concepção da cortina de ar, para utilização nas portas de ônibus urbanos equipados com ar-condicionado.

Adamo Bazani e Alexandre Pelegi, jornalistas especializados em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta