Empresas de ônibus em São Paulo voltam a abastecer em postos comuns

No final da tarde de quinta, 24, ônibus e micro-ônibus de São Paulo voltaram a abastecer em postos comuns

Carretas não chegaram às garagens e amanhã falta de combustível pode piorar

ADAMO BAZANI

As empresas de ônibus tiveram de voltar a abastecer os coletivos em postos comuns de rua no final da tarde desta quinta-feira, 24 de maio de 2018.

Em Pirituba, na zona Oeste de São Paulo, ônibus e micro-ônibus da empresa do subsistema local Spencer, abasteciam num posto da Rua Rio Verde com a Avenida Edgard Facó.

As carretas com diesel não conseguiram chegar às garagens por causa de bloqueios nas proximidades de refinarias e distribuidoras, devido à greve dos caminhoneiros.

Empresas de ônibus das zonas Norte e Leste também voltaram a abastecer nas ruas, em postos comuns, no final da tarde.

Na zona Sul, as viações não estão mais encontrando postos com diesel suficiente.

Segundo a SPTrans, gerenciadora do sistema da capital paulista, por volta das 17h30, 86% da frota estavam em operação.

Desde ontem, o Diário do Transporte tem acompanhado os reflexos da greve dos caminhoneiros nos transportes coletivos:

Frota reduzida de ônibus, rodízio suspenso em São Paulo, bloqueio em vias urbanas e rodovias. Acompanhe em tempo real o 4º dia de greve dos caminhoneiros

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta