Integrações nos terminais Campo Limpo e Capão Redondo, Expresso Turístico da CPTM e Estrada de Ferro Campos do Jordão com reajustes nas tarifas

Novas tarifas de integração entre linha 5-Lilás do Metrô e linhas de ônibus da EMTU já estão valendo.

No caso dos trens, aumentos ocorrem a partir de domingo. Sobre EMTU com linha 5 – Lilás, resolução é retroativa e já está em vigor

ADAMO BAZANI

A STM – Secretaria de Transportes Metropolitanos do Estado de São Paulo determinou novas tarifas para serviços especiais turísticos de trens e confirmou os valores das integrações entre ônibus intermunicipais gerenciados pela EMTU e o Metrô da linha 5-Lilás nos terminais Capão Redondo e Campo Limpo, na zona Sul da Capital Paulista.

No caso dos ônibus, a resolução publicada nesta sexta-feira, 30 de março de 2018, é retroativa e as tarifas de integração já estão valendo sem alterações.

Os valores variam de acordo com cada linha integrada e a cobrança na transferência entre metrô e ônibus é de R$ 0,55 ou R$ 1,15.

As integrações já são cobrados e os efeitos da resolução, para remuneração as empresas, são retroativos a 16 de janeiro de 2018.

EXPRESSO TURÍSTICO:

O Expresso Turístico da CPTM – Companhia de Trens Metropolitanos terá reajuste de passagens a partir deste domingo, 01º de abril de 2018.

Os valores variam entre R$ 50 e R$ 148 no trecho Turístico da linha 07 Rubi, entre as Estações Luz e Jundiaí, e no trecho entre Luz e Paranapiacaba da linha 10 Turquesa.

Já no trecho entre Santo André e Paranapiacaba, os valores vão entre R$ 44 e R$ 144.

A cobrança pelo transporte de bicicletas também tem reajuste.

ESTRADA DE FERRO CAMPOS DO JORDÃO:

A STM – Secretaria de Transportes  Metropolitanos também determinou novas tarifas para os trens da Estrada de Ferro Campos do Jordão, de caráter turístico, que estão, inclusive, em processo de concessão à iniciativa privada.

As tarifas variam de acordo com os serviços e os novos valores entram em vigor neste domingo, 01º de abril.

A mais barata será para o trem de subúrbio entre Pindamonhangaba e Piracuama, de R$ 3,10.

A mais cara será a tarifa ida e volta Pindamonhangaba/Emílio Ribas/Pindamonhangaba, de R$ 78.

Bonde, teleférico e pedalinho também terão reajuste a partir deste domingo.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes  

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: