Após quase 39 anos, Paulo Corso deixa direção da Marcopolo

Paulo Corso em entrevista no ano de 2012

Notícia movimentou mercado de carrocerias. Empresa não nomeou substituto

ADAMO BAZANI

O mercado de carrocerias de ônibus no Brasil foi movimentado pela informação de que o diretor de operações comerciais e marketing da Marcopolo, Paulo Corso, deixou a empresa nesta quinta-feira, 08 de março de 2018.

O profissional pediu desligamento.

Nascido em 07 de março de 1962, Paulo Corso estava na fabricante desde abril de 1979 e acompanhou diversas etapas do desenvolvimento da Marcopolo, como a implantação do sistema 5s de qualidade e gestão, conquista da liderança no segmento de rodoviários e a internacionalização da empresa.

Durante este período, o executivo conseguiu bom trânsito entre grandes grupos empresariais de ônibus e era tido por alguns donos de companhias como um profissional que “sabia escutar  as garagens”.

A Marcopolo não informou oficialmente o que motivou o desligamento de Paulo Corso, que foi nomeado diretor comercial no final dos anos de 1990.

Em nota oficial, a encarroçadora diz que ainda não nomeou substituto para o executivo.

A Marcopolo S.A., fabricante brasileiro líder na produção de carrocerias de ônibus, informa que, na data de hoje, o até então diretor, Paulo Gilberto Corso, solicitou o seu desligamento do quadro executivo da empresa.

Paulo Corso atuava como diretor de operações comerciais e marketing, com foco no mercado interno.

A direção da Marcopolo esclarece que ainda não nomeou um novo diretor para esta posição.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

6 comentários em Após quase 39 anos, Paulo Corso deixa direção da Marcopolo

  1. Joao Luis Garcia // 8 de março de 2018 às 19:52 // Responder

    Excelente profissional

  2. Faz tempo que o modelo de administração Belini/Martins deixou de existir na Marcopolo.
    Novo DNA está se formando, se para melhorar ou não e necessário acompanhar os resultados .
    A saída de um executivo do alto escalão sem a transição de praxe é realmente estranha.
    Houve uma época na história da MP, que se criou um slogan ” Arrancada para um novo tempo” o resultado não foi bom.

  3. Daqui a pouco ele “aparece” na Busscar, rsrsrsrs.

  4. Novo CEO da Busscar!

  5. sabinotcgll@hotmail.com // 10 de março de 2018 às 08:28 // Responder

    Grande profissional. Vai com Deus Paulinho.

  6. ze tros acertou profetico hein!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

1 Trackback / Pingback

  1. Marcopolo tem novo diretor do Negócio Ônibus – Diário do Transporte

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: