Linhas da EMTU na região de Osasco mudam no dia 25 (domingo), com integrações no Terminal Km 21

Linha 131 é uma das que serão extintas e substituídas por esquema de integração. Clique na foto para ampliar

Duas novas linhas serão integradas e ligações que iam até a capital paulista só irão até o limite entre Osasco e São Paulo

ADAMO BAZANI

Passageiros das cidades da região Oeste da Grande São Paulo, como Osasco, Barueri, Carapicuíba, Cotia, Itapevi, Jandira, Pirapora do Bom Jesus e Santana do Parnaíba, e que usam ônibus intermunicipais do sistema da EMTU – Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos devem estar atentos porque haverá várias mudanças de linhas a partir do próximo domingo, 25 de fevereiro de 2018, em razão das operações do Terminal Metropolitano Luiz Bortolosso – Km 21, que começou a funcionar em setembro do ano passado.

Grande parte das linhas que iam até a capital paulista será cortadas (seccionamento) no Terminal Vila Yara, em Osasco, como a 020 – Carapicuíba (Vila Dirce) – São Paulo (Pinheiros); 081 – Jandira (Nossa Sra. de Fátima) –  São Paulo (Metrô Butantã); 516 – Jandira (Nossa Sra. de Fátima) São Paulo (Metrô Butantã), via Sta. Tereza; por exemplo.

Ao todo serão oito linhas que deixarão de ir para São Paulo.

No lugar, a EMTU vai colocar em operação duas linhas: a 840 Terminal Metropolitano Luiz Bortolosso – Km 21 / Metrô Butantã e 850 Terminal Metropolitano Luiz Bortolosso – Km 21 / Lapa.
Estas duas linhas terão integração no terminal Km 21 com as oito linhas reduzidas que deixarão de ir para São Paulo e com 13 linhas que já fazem ponto final na Vila Yara.

Outras nove linhas vão deixar de existir e passarão a ser substituídas por linhas atuais integradas com as duas novas que serão criadas.

O passageiro deve estar atendo também para o fato de que todas as integrações só poderão ser feitas por meio do Cartão BOM, que é a bilhetagem eletrônica do sistema da EMTU.

A gerenciadora das linhas de ônibus metropolitanas garante que as mudanças vão ter benefícios como aumento da oferta de viagens, criação de opções de deslocamento para algumas regiões que não tinham ligação para a capital paulista e, em alguns casos, as viagens podem ficar mais baratas.

A EMTU ainda promete que as duas linhas novas terão maior frequência e serão operadas por ônibus melhores:  a linha 840 (Metrô Butantã) terá ônibus a cada 10 minutos nos horários de pico; já a linha 850 (Lapa) terá ônibus a cada sete minutos nos horários de maior movimento.

Abaixo, nota completa da EMTU explicando as mudanças, que são complexas:

Em 25 de fevereiro próximo será iniciada a primeira fase do plano de reorganização das linhas metropolitanas de ônibus gerenciadas pela EMTU na região oeste da Grande São Paulo, onde o sistema intermunicipal transporta diariamente cerca de 80 mil usuários.

Os detalhes operacionais dessas alterações podem ser consultados na página da EMTU na internet. Seguem os links por município:

Linhas Barueri: http://www.emtu.sp.gov.br/EMTU/pdf/linhas-barueri.pdf

Linhas Carapicuiba: http://www.emtu.sp.gov.br/EMTU/pdf/linhas-carapicuiba.pdf

Linhas Cotia: http://www.emtu.sp.gov.br/EMTU/pdf/linhas-cotia.pdf

Linhas Itapevi: http://www.emtu.sp.gov.br/EMTU/pdf/linhas-itapevi.pdf

Linhas Jandira: http://www.emtu.sp.gov.br/EMTU/pdf/linhas-jandira.pdf

Linhas Osasco: http://www.emtu.sp.gov.br/EMTU/pdf/linhas-osasco.pdf

Linhas Pirapora: http://www.emtu.sp.gov.br/EMTU/pdf/linhas-pirapora.pdf

Linhas Santana: http://www.emtu.sp.gov.br/EMTU/pdf/linhas-santana.pdf

A reestruturação será concentrada no Terminal Metropolitano Luiz Bortolosso – Km 21, em operação desde setembro de 2017, que faz parte do futuro Corredor Itapevi – Osasco. O Terminal Luiz Bortolosso conta com infraestrutura completa para os usuários, destacando-se quatro sanitários, quatro escadas rolantes, quatro elevadores e passarela com acesso à Estação General Miguel Costa da CPTM (linha 8).

Principais benefícios

– Aumento da oferta de viagens;

– Diminuição da sobreposição de linhas nos principais corredores de ônibus;

– Regiões que não tinham opções de transporte para os bairros da Lapa e Butantã, na capital, serão beneficiadas com a implantação das duas novas linhas (840 e 850).

Novas linhas

Serão implantadas duas novas linhas com origem no Terminal Metropolitano Luiz Bortolosso – Km 21 e que terão como destinos o Metrô Butantã e o bairro da Lapa, ambos em São Paulo. As linhas 840850 serão operadas com ônibus modernos, confortáveis e terão integração tarifária com as linhas originárias dos municípios de Pirapora do Bom Jesus, Santana de Parnaíba, Cotia, Itapevi, Jandira, Barueri, Carapicuíba e Osasco, oferecendo mais opções de mobilidade aos usuários da região.

 

A linha 840 (Metrô Butantã) terá ônibus a cada 10 minutos nos horários de pico; já a linha 850 (Lapa) terá ônibus a cada 7 minutos nos horários de maior movimento.

Ponto final no Terminal Vila Yara

 

Oito linhas com destino ao município de São Paulo passarão a ter ponto final na Vila Yara, em Osasco, e serão integradas no Terminal Metropolitano Luiz Bortolosso – Km 21 com as novas linhas 840para São Paulo (Metrô Butantã) e 850 para São Paulo (Lapa). Para conhecer os valores das tarifas integradas, consulte a página da EMTU na internet:

Linha Denominação
020 Carapicuíba (Vila Dirce) – Osasco (Vila Yara)
130 Jandira (Jardim Nossa Senhora de Fátima) – Osasco (Vila Yara)
345 Barueri (Vale do Sol) – Osasco (Vila Yara)
350 Itapevi (COHAB) – Osasco (Vila Yara)
350BI1 Itapevi (Vila Gioia) – Osasco (Vila Yara)
428 Barueri (Jardim do Líbano) – Osasco (Vila Yara)
517 Itapevi (Centro) – Osasco (Vila Yara)
557 Jandira (Jardim Nossa Senhora de Fátima) – Osasco (Vila Yara)

Treze linhas que já fazem ponto final na Vila Yara também serão integradas com as novas linhas 840 para São Paulo (Metrô Butantã) e 850 para São Paulo (Lapa). Para conhecer os valores das tarifas integradas, consulte a página da EMTU na internet:

Linha Denominação
022 Carapicuíba (Vila Dirce) – Osasco (Vila Yara)
082 Pirapora do Bom Jesus (Jd. Bom Jesus) – Osasco (Vila Yara)
082BI1 Pirapora do Bom Jesus (Igavetá) – Osasco (Vila Yara)
082DV1 Pirapora do Bom Jesus (Jd. Bom Jesus) – Osasco (Vila Yara), via Paiol
133 Itapevi (COHAB/Jd. Paulista) – Osasco (Vila Yara)
133BI1 Itapevi (Vila Gioia) – Osasco (Vila Yara)
134 Barueri (Parque Viana) – Osasco (Centro)
223 Carapicuíba (COHAB 5) – Osasco (Vila Yara)
246 Santana de Parnaíba (Jardim São Luís) – Osasco (Vila Yara)
246BI1 Santana de Parnaíba (Jardim Professor Benoá) – Osasco (Vila Yara)
263 (1) Carapicuíba (Novo Horizonte) – Osasco (Vila Yara)
283 (2) Carapicuíba (Cidade Ariston) – Osasco (Vila Yara)
420 Cotia (Terminal Metropolitano de Cotia) – Osasco (Vila Yara)

(1) Integração somente com a linha 840 São Paulo (Metrô Butantã) na Avenida dos Autonomistas, a partir da Estação Comandante Sampaio – km 18.

(2) Integração somente com a linha 840 São Paulo (Metrô Butantã) no Terminal Metropolitano Luiz Bortolosso – Km 21.

 

Linhas que serão substituídas

Com a entrada em operação das linhas 840 e 850, nove linhas serão substituídas pelo novo sistema de integração. Segue abaixo a relação das linhas e as novas opções:

Linha Denominação Nova opção
081 Jandira (Jd. N. Sra. de Fátima) – SP (Metrô Butantã) 130 + 840
131 Carapicuíba (Vila Dirce) – SP (Lapa) 020 ou 022 + 850
224 Carapicuíba (COHAB 5) – SP (Lapa) 023 ou 223 + 850

023 ou 223 + 180

225 Carapicuíba (COHAB 5) – SP (Pinheiros) 023 ou 223 + 840
385 Pirapora (Jd. Bom Jesus) – SP (Barra Funda) 082 + 850
458 Carapicuíba (COHAB 1) – SP (Barra Funda) 023 ou 223 + 850
516 Jandira (Jd. N. Sra. de Fátima) – SP (Metrô Butantã) 557 + 840
539 Itapevi (COHAB/Jd. Paulista) – Osasco (Vila Yara) 133
805 Pirapora (Jd. Bom Jesus) – SP (Metrô Butantã) 082 + 840

 

Benefícios

– Aumento da oferta de viagens, tanto nas linhas dos bairros até o Terminal Metropolitano Luiz Bortolosso – Km 21 como nas linhas troncais até o Metrô Butantã e Lapa.

– Diminuição da sobreposição de linhas nos principais corredores de ônibus (Avenida dos Autonomistas, Avenida Corifeu de Azevedo Marques e Avenida Jaguaré) resultando em aumento de desempenho das demais linhas.

– Algumas regiões que não tinham opções de transporte para os bairros da Lapa e Butantã, na capital, serão beneficiadas com a implantação das duas novas linhas (840 e 850).

– Oferta dos destinos Metrô Butantã e Lapa a todos os bairros atendidos pelas linhas alimentadoras que serão integradas às linhas 840 e 850.

– Os moradores dos bairros Cohab, Jardim Paulista e Vila Gioia, em Itapevi, Novo Horizonte e Cidade Ariston, em Carapicuíba, Jardim Veloso e Jardim Santo Antonio, em Osasco e Vale do Sol, Jardim Júlio e Jardim Paulista, em Barueri, contarão com nova opção de transporte por meio da integração para a linha 840 (Metrô Butantã).

– Os residentes em Pirapora do Bom Jesus (Jardim Bom Jesus) e no entorno de Cotia (Terminal Metropolitano Cotia) contarão com nova opção de transporte por meio da integração para a linha 850(Lapa).

– E os moradores dos bairros Jardim São Luís e Jardim Professor Benoá, em Santana de Parnaíba e Igavetá, em Pirapora do Bom Jesus, contarão com duas novas opções de transporte, para o Metrô Butantã e para a Lapa, em São Paulo (linhas 840 850).

Em alguns casos, haverá uma redução com os custos de transporte para os usuários, conforme os exemplos abaixo:

Deslocamento Atual Futuro
Itapevi (Cohab/Jd. Paulista) – SP (Metrô Butantã), via Autonomistas linha 133 até Osasco + linha060 até Metrô Butantã R$ 10,00 linha 133 até Terminal LuizBortolosso linha840 até o Metrô Butantã R$ 6,30
Cotia (TM Cotia) – SP (Lapa), via Autonomistas linha 420 até Osasco + linha180 até a Lapa R$ 11,25 linha 420 até Terminal LuizBortolosso linha850 até a Lapa R$ 6,30
Carapicuíba (Cidade Ariston) – SP (Metrô Butantã), via Autonomistas linha 283 até Osasco + linha060 até o Metrô Butantã R$ 7,00 linha 283 até o Terminal LuizBortolosso linha840 até o Metrô Butantã R$ 5,70

Só com Cartão BOM

A integração com as linhas 840 (Metrô Butantã) e 850 (Lapa) somente será realizada com a utilização do Cartão BOM. A integração por meio do BOM ocorrerá no trecho de contato entre as linhas envolvidas e o usuário deverá dar preferência ao Terminal Metropolitano Luiz Bortolosso – Km 21 para a realização de sua conexão.

O Cartão BOM pode ser obtido sem custo nos seguintes locais:

O Cartão BOM também pode ser obtido no Terminal Metropolitano Luiz Bortolosso – Km 21.

Atendimento aos usuários

Além da página da EMTU na internet (www.emtu.sp.gov.br), os usuários poderão esclarecer dúvidas sobre a reorganização das linhas por meio dos serviços de atendimento ao cliente (SAC) das operadoras: 0800 772 2004; 0800 014 1366 e 0800 770 9299.

 

 

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

17 comentários em Linhas da EMTU na região de Osasco mudam no dia 25 (domingo), com integrações no Terminal Km 21

  1. Amigos, boa noite.

    Tem uma informação é de suma importância.

    As linhas 840 e 850, passaram no Largo de Osasco ??

    10/10 é um intervalo razoável; by by fiscalizadora 21/21.

    Mas vamos aguardar o test drive na prática.

    Att,

    Paulo Gil

  2. Tiraram a linha até Pinheiros, sabe se há MAIS UMA integração no Butantã que leve até Pinheiros ou não, para no Butantã mesmo?

    Obs.: dar o nome de uma linha como “Terminal Metropolitano Luiz Bortolosso – Km 21” é como falar “Estádio Cícero Pompeu de Toledo – Morumbi”. Espero que no letreiro seja apenas “Terminal Km 21” pois se não vão ser cinco minutos só pra escrever esse palavrão.

    • Daniel Batista dos Santos // 15 de Fevereiro de 2018 às 23:43 // Responder

      No terminal Butantã tem uma linha circular para Pinheiros. Acho que ela passa também perto do Hospital das Clínicas.

      • Entendi. Fica a dúvida se há direito à mais uma integração. De qualquer forma acredito que não deveria ser encurtada para o Butantã. O “atravessar a ponte/Marginal” é uma das maiores barreiras da zona oeste e este tipo de atitude acaba maximizando isso. Quem vem de longe acaba tendo que realizar diversas integrações por conta de corte de custos. Até que esse “bendito” corredor saia, muita gente vai sofrer ainda mais.

  3. Boa noite . Bom minha opinião sobre o planejamento da EMTU são boas . Parta pior são os ônibus mal qualidade para os preços das passagens são caras tantas pessoas vão utilizar transportes públicos . Eu peço para o governador que melhores condições dos transportes urbanos que seja bem melhor.
    Obrigado

  4. Uma vergonha esse projeto!
    E o trabalhador que nao tem o cartao bom??Como se houvesse varios quiosques bom né ?????
    Piada

  5. Raphael Freire Zanardo // 16 de Fevereiro de 2018 às 10:13 // Responder

    E quem usava a 350 para ir até a Pompéia? Não tem integração?

  6. Isso tudo é forma de roubar da população tirar um pouco mais de quem não tem pq eles nem liga para a população…

  7. Transporte em Osasco e região já é terrível, principalmente as linhas que são gerenciadas pela Viação Osasco os intervalos são longos as rotas são terríveis, são caros por que o planejamento é péssimo em Osasco qualquer linha municipal ou intermunicipal você atravessa pelo menos 15 bairros diferentes em pontos extremos até que a rota tome um rumo para o destino, centro/Vila Yara ou KM18. Os veículos são terríveis! Agora colocaram até ar condicionado nestas carroças de ônibus quando comparados ao sistema SPTRANS os quais são melhores e mais baratos.
    E ainda para melhorar mais retiram linhas da região e sobrepõem 80 mil passageiros dia em um terminar que nem o corredor ficou pronto, carregados por latas velhas…
    Essa politica do Estado de SP para beneficiar empresários de ônibus é terrível, afinal a TRANSPASS (Viação Osasco em SP) agradece, pois agora temos que pagar outra passagem na Vila Yara para seguir sentido Pinheiros, Hospital das Clínicas ou Barra Funda, pois a linhas serão reduzidas até a Vila Yara.
    Que desrespeito com as pessoas!

  8. Moro no Vila yolanda e fico quase 1 hora para pegar o ônibus gostaria de saber quando isto vai melhorar estas linhas aq esta um

  9. SO PRA TER LUCRO ALTO E DESPREGO E FAZER AS PESSOAS TIRA ESTA MERDA DO BOM … PORQUE FAZ CERTO CRIAR O CARTAO ESTADUAL QUE VALE NO ESTADO DE SAO PAULO TUDO FAZER AS PESSOAS DE OUTRAS CIDADE PAGANDO VARIAS PASSAAGEM E E CARO PRA —— DE GOVERNO SO PRA DESTRUIR OS POBRE E ACABA COM EMPREGO E SALARIO DOS POBRE POR VCS ACABA COM SEUS SALARIO DA PRO EMPRESARIO DE ONIBUS FALTE DE VERGUNHA …ISTO E BRASIL SALVE

  10. o governo não pensa na população só querem encher o bolso.
    pra começar o pessoal que gastava 1:30 hrs para chegar em casa vai passar a gastar mais de 2 hrs devido as espera de ônibus e da integração por terem que ficar mudando de ônibus, pois pode ter a certeza de que quando chegar em cada terminal pra fazer a integração não vai ter ônibus lá esperando por nós e ainda vai ter super lotação dos ônibus.
    aquelas pessoas que não usa diariamente o ônibus vão gastar um absurdo para conseguiu chegar em seu destino, pois provavelmente não vai ter o bilhete.
    o pior de tudo eles nao coloca postos para poder carregar o bilhete, o terminal Butantã grande do jeito que é nao tem nem a onde carregar o bilhete bom é um descaso com a população

  11. Infelismente como tudo neste pais o povo so serve pra pagar essas mudanças alem do desconforto de agora ter que andar nos onibus lotado ainda vamos ter que pegar outro onibus e uma vergonha eu uso 225 mas ja que fizeram o favor de prejudicar o trajeto prefiro sair mas cedo de casa caminhar ate onde passa a linha 329 que vai pra pinheiros isso e ate vcs mudar e uma vergonha pra fazer mudança tinha que pergunta para os usuarios pra ver se aprovam .povo devia fazer boicote nao usar pra saber de quem e o direito a linha existe so pra empresa ganhar tao se lixando com os usuarios.julio cohab 5

  12. Vão desaparecer 8 linhas e o intervalo entre os ônibus que receberam essa linha terão intervalos de 10 minutos. Como absorver 08 linhas num intervalo tão grande entre ônibus ??

  13. No horário de pico é a cada dez minutos, mas e fora do horário de pico?
    Saio do serviço às 23h00 e pegava qualquer ônibus para ir para casa. Agora só poderei pegar um único?

  14. Talvez esse projeto possa ser bom, mas a forma que está sendo executado é uma lástima!!! O interessante é a forma como a população está sendo manipulada!!! 1° lugar um projeto como esse não foi idealizado de um dia para o outro, já deve estar tramitando há algum tempo, porque então avisar a população 15 dias antes de executar????? 2°lugar porque não foi pedido a opinião dos usuários, que utilizam o transporte público??? 3° lugar o cartão bom não será impresso na hora, ou feito em um passe de mágica, enquanto isso, a população terá que pagar o valor de 2 conduções (valor integral), para se deslocar até o trabalho, mais 2 conduções para o retorno até sua casa, até que o cartão fique pronto!!! Vamos trabalhar para pagar, para ir trabalhar… Parabéns governo do Estado, EMTU, por incentivar mais indignação e manifestações para nós os usuários deste sistema público de transporte.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: