Em 2017, Linha sul do metrô de Fortaleza tem crescimento de quase 20% na quantidade de passageiros

Ilustração: Metrô de Fortaleza, Linha Sul

Linha Sul atendeu a 6,5 milhões de pessoas no ano passado, em comparação com os 5,4 milhões de passageiros em 2016

ALEXANDRE PELEGI

O aumento de passageiros transportados na Linha Sul do Metrô de Fortaleza tem sido uma constante a cada ano. O crescimento, verificado a cada ano desde 2014 ressalta a importância da linha para a integração da Região Metropolitana de Fortaleza.

A Linha Sul registrou, em 2017, aumento de 19,8% no número de passageiros transportados em comparação ao ano de 2016. Já em 2016, o aumento havia sido de 17% em relação a 2015, e em 2015 o crescimento em relação a 2014 fora de 41%.

O índice é baseado no total de usuários do metrô entre os meses de janeiro a dezembro.

No total de usuários, foram 6,5 milhões de pessoas atendidas em 2017, diante de 5,4 milhões de passageiros em 2016.

O que pode explicar esse crescimento são os investimentos feitos para ampliar o serviço ofertad. Somente em 2017, a Linha Sul passou por três ampliações de horário, fechando o ano com funcionamento de 5h30 às 23h. Antes, o equipamento funcionava de 7h às 19h.

Já a Companhia Cearense de Transportes Metropolitanos, operadora do sistema, reduziu o intervalo entre os trens, de 20 para 17 minutos, e aumentou o número de viagens durante o horário de operação. Com o aumento do número de viagens, reduziu-se a lotação dos trens, o que foi possível graças à ampliação da frota operacional, que passou de 8 para 10 trens elétricos.

O início do funcionamento do sistema de bilhetagem eletrônica foi outro fator de melhoria. Com ele, os bilhetes de papel foram extintos, e os usuários passaram a utilizar cartões eletrônicos recarregáveis. Foram ainda contratados 148 novos profissionais para reforçar o funcionamento dos sistemas metroviários.

Em todas as linhas metroviárias em operação no Ceará, a Companhia Cearense de Transportes Metropolitanos transportou 9,2 milhões de passageiros em 2017, aumento de 11,7% em relação aos 8,2 milhões de passageiros transportados em 2016. Neste dado estão computados as estatísticas das linhas Sul, Oeste e VLTs de Sobral e do Cariri.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

2 comentários em Em 2017, Linha sul do metrô de Fortaleza tem crescimento de quase 20% na quantidade de passageiros

  1. Amigos, boa noite.

    Isto é a prova de que o buzão já era, parabéns aos cearenses que descobriram as vantagens dos trilhos.

    Aqui em Sampa tenho feito o mesmo, quanto menos buzão ziguezagueado caranguejado, 21/21, Penha – Lapa e carroceria tipo “Pão de Forma”, melhor.

    Os trilhos são a solução.

    Antes que haja choradeira, ou o corredor de buzão elevado.

    Att,

    Paulo Gil

  2. Complementando:

    Gosto muito do tipo de porta que é utilizado no metro de Fortaleza; alias esse tipo de porta devia ser utilizada nos buzões de BRT.

    Att,

    Paulo Gil

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: