Quem quer aproveitar tarifa sem reajuste em SP tem até o dia 6 para carregar o Bilhete Único

Ônibus urbano em São Paulo

Reajuste de ônibus, trens e metrô passa a valer no dia 7 de janeiro, e tarifa subirá para R$ 4

ALEXANDRE PELEGI

Para quem dispõe de algum dinheiro, e quer adiar o aumento da tarifa de ônibus, trens e metrô na capital, a saída é carregar seu Bilhete Único até o dia 6, às 23h:59, pagando R$ 3,80. O novo valor, de R$ 4, entra em vigor no dia 7 de janeiro, domingo.

O reajuste tarifário foi feito em anúncio conjunto entre o governo do Estado e a Prefeitura de São Paulo no dia 28 de dezembro. Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2017/12/28/tarifas-de-onibus-municipais-da-sptrans-metro-e-cptm-irao-para-r-4/

Mas atenção: há um valor máximo para a recarga, de R$ 300,00, sem esquecer que o limite no bilhete vai até R$ 350. Não há validade para os créditos.

A integração ônibus e trilhos também foi reajustada em 2,35%, e subirá no dia 7 de R$ 6,80 para R$ 6,96.

O mesmo procedimento de dar uma recarga no dia 6 vale para os bilhetes temporais (mensal e diário, com ou sem integração).

Veja como ficará a tabela de preços a partir do dia 7:

Tarifa do Metrô

 R$ 3,80 para R$ 4,00

Tarifa da CPTM

R$ 3,80 para R$ 4,00

Tarifa dos ônibus municipais (SPTrans)

  R$ 3,80 para R$ 4,00

Integração ônibus + trens (Metrô/CPTM)

 R$ 6,80 para R$ 6,96

Bilhete Diário comum (24 horas)

 R$ 15,00 para R$ 15,30

Bilhete Diário integrado (24 horas)

 R$ 20,00 para R$ 20,50

Bilhete Mensal comum

 R$ 190,00 para R$ 194,30

Bilhete Mensal integrado

 R$ 300,00 para R$ 307,00

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

2 comentários em Quem quer aproveitar tarifa sem reajuste em SP tem até o dia 6 para carregar o Bilhete Único

  1. Luis Marcello Gallo // 3 de Janeiro de 2018 às 13:20 // Responder

    Quanto cão custar as cargas dos cartões Fidelidade e BLA?

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: