Ônibus da Mercedes-Benz para Grupo JCA têm controles eletrônicos de freios, suspensão e estabilidade

Publicado em: 24 de julho de 2017

Veículos da Cometa também possuem rodas de alumínio e caixa automatizada de 8 marchas com retarder acoplado

Somente para Viação Cometa, foram 54 veículos rodoviários

ADAMO BAZANI

A Mercedes-Benz divulgou em primeira mão ao Diário do Transporte nesta segunda-feira, 24 de julho de 2017, que os 54 ônibus comercializados pela montadora alemã instalada em São Bernardo do Campo, no ABC Paulista, para Viação Cometa, do Grupo JCA, têm controles eletrônicos de várias funções, aumentando assim, a segurança e o conforto, de acordo com a fabricante.

“Entre os destaques dos novos ônibus da Viação Cometa estão os recursos tecnológicos do conjunto de controle de estabilidade – Programa Eletrônico de Estabilidade (ESP), Sistema Eletrônico de Freios (EBS) a disco, Suspensão Pneumática Controlada Eletronicamente (ECAS), trazendo mais segurança para os motoristas e passageiros nas viagens.” – diz nota da montadora.

Segundo noticiou também em primeira mão o Diário do Transporte , o grupo comprou para renovação neste ano 254 ônibus que serão destinados às empresas: Auto Viação 1001, Auto Viação Catarinense, Viação Cometa e Expresso do Sul.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2017/06/27/renovacao-do-grupo-jca-para-este-ano-vai-ser-maior-e-chegara-a-254-onibus/

Os modelos de chassis vendidos para a Cometa são O 500 RSD 6×2 (três eixos) e RS 4X2 (dois eixos), indicados para médias e longas distâncias.

A empresa de transportes atua em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Paraná. As primeiras unidades devem entrar em operação a partir de setembro.

Em nota, diretor de Vendas e Marketing de Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil, Walter Barbosa, diz que quase toda a frota da Cometa é composta pela marca, que também vendeu veículos urbanos para a Viação 1001, outra companhia do Grupo JCA.

“A Mercedes-Benz tem 95% de participação na frota da Viação Cometa, composta por 650 ônibus … Temos uma forte relação com o Grupo JCA, detentora também da Empresa 1001, que comprou 17 ônibus urbanos do modelo OF 1721 L (motor dianteiro com suspensão pneumática) neste ano.”

Os ônibus rodoviários vendidos para Cometa também possuem rodas de alumínio e a caixa automatizada Mercedes PowerShift GO-240 de 8 marchas com retarder acoplado, garantindo “mais economia de combustível e redução no custo operacional do cliente”, ainda de acordo com a fabricante.

No segmento de ônibus rodoviários, a Mercedes-Benz liderou o mercado entre janeiro e junho, com 42% de participação. As vendas foram de 277 unidades.

Considerando os diferentes segmentos de ônibus, a participação da marca foi de quase 50% de entre janeiro e junho, com 2.268 unidades emplacadas.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

  1. Samuel Joselito disse:

    Sem carroceria CMA, sem motor Scania…Não! Não é Cometa !!!

    1. Daniel Batista dos Santos disse:

      De fato, Samuel, a Cometa como potência rodoviária já se foi há muito tempo… atualmente só vemos a marca Cometa por aí.

    2. Paulo Gil disse:

      Samuel Joselito, boa noite.

      De pleno acordo.

      Ficou a marca, mas a alma não.

      Abçs,

      Paulo Gil

    3. Halisando Cresce disse:

      É uma Itapemireta.

      1. Virgílio disse:

        A cometa é muito maior hoje do que já foi no passado, quem vive do passado é museu , Scania dinossauro e flecha é peça de museu ,o tal de Halisando usa nome fake ,o Halisando ,e das marcas top da MB ninguém fala , Freightliner ,western star trucks , Thomas Buses,se a Scania prestasse ela existiria e venderia caminhões nos Estados unidos , ela tentou entrar lá ,mas não teve competência,a Volvo teve competência , quem vem aqui falar mal da Mercedes é ignorante ou desinformado a primeira fábrica da Scania fora da Suécia foi no Brasil , não teve competência para ir antes para outro país ,achou o Brasil fácil ,fez caminhão meia boca eo brasileiro gostou ,bom cada um tem seu gosto . Prefiro Mercedes Benz !!! Vida longa Mercedes Benz !!!

    4. Carlos Vasconcellos disse:

      Verdade. O Grupo JCA descaracterizou completamente a Viação Cometa, medando para pior. O motor Scania é insuperável, a carroceria CMA singular, a pintura metálica retrô linda e os bancos de couro vermelho mais vistosos e confortáveis. Perdeu seu diferencial tornando-se uma empresa comum, igual todas as outras: motor mercedes benz e carroceria Marcopolo. Uma pena.

  2. IVAN disse:

    Saudoso Cometa Flecha Azul

  3. Janaina Rita Faustino disse:

    Trecho de Jundiaí a São Paulo /ABC. é feito de carroça… Chaqualha mais que tudo .,.

  4. Paulo Gil disse:

    Amigos, boa noite.

    Há uns 20 dias vi um Cometa na Bandeirantes com todas as luzes traseiras apagadas.

    Nunca vi isso durante toda a minha vida ate 20 dias atrás.

    Pena que não anotei o número do buzão, pois custei a acreditar no que eu vi.

    Att,

    Paulo Gil

  5. Engraçado o conteudo de alguns comentários , no outro post que fala da aquisição dos DD Scania k 440 8×2 NINGUÉM CRITICOU A COMETA , dizendo que ela perdeu a alma , não e mais a cometa . etc.., eu gostaria saber destes internautas se o problema deles e com a cometa ou com a marca MB , porque eu não vi ninguém elogiando a cometa nos comentários deste post sobre a aquisição destes MB de ultima geração , da minha parte e uma ótima aquisição pois são os ônibus mais seguros do mercado e não deixam a desejar em nada perante aos IDOLATRADOS Scania.

    1. Virgílio disse:

      É vdd ,se a Scania é tão boa assim , porque agora ela é capacho da Volkswagen , Mercedes e superior , porque a Mercedes vende mais é melhor mesmo .

  6. E tem mais um detalhe importantíssimo , a qualidade dos serviços prestados por uma empresa de ônibus não depende exclusivamente da marca dos chassis utilizados, visto que quase a totalidade dos usuários nem sabem nem se interessam pela marca do ônibus , eles querem sim saber e de conforto , segurança , pontualidade , cortesia , qualidade no atendimento , serviços diferenciados , etc… Agora só para dar uma cutucada , duas das melhores empresas de ônibus avaliadas pelos usuários no Brasil , ÁGUIA BRANCA e GUANABARA operam somente com frota MB !!!

    1. Pastor Scarpin Gusso disse:

      Estas duas empresas pertencem ao Grupo Guanabara, que possui revendas Mercedes Benz.

      1. O fato de term revendas MB naõ a obrigam ter somente

      2. O fato de terem revendas MB NÃO as OBRIGAM a ter somente MB na frota , os grupos BELARMINO e RUAS também tem revendas MB E MESMO ASSIM TEM VEÍCULOS DE OUTRAS MARCAS ,sem falar na ITAPEMERIM que teve REVENDA MB (SAMADISA) e mesmo assim tiveram ou tem Scania e Volvo na frota mesmo antes de venderem a REVENDA , agora se eu começar a postar aqui as empresas 100% MB que não tem NENHUM VINCULO com REVENDAS MB , não vai caber aqui neste post !!!!

  7. Paulo Roberto Motta Alves do Amaral disse:

    Bom dia ;
    Sou Motorista de ônibus urbanos e gostaria de obter chance de emprego para trabalhar na Empresa Cometa tempo de ex: 6 anos cnh D está em dia e resolução vencimento ano 2022 .

    1. Halisando disse:

      MB é carne de vaca. Qualquer empresa de Ônibus tam.

  8. MarcoV disse:

    Infelizmente a qualidade da COMETA original (carrocerias em duralumínio, bancos de couro e chassis SCANIA) era bem superior a da atual. Não dá para não ser saudosista.

  9. Emerson Belo Gois disse:

    Domingo, 16 de Julho fui matar a saudade de viajar no Cometa de Araraquara para São Paulo e Tive a infelicidade de embarcar nesse MB 4×2 igualzinho do vídeo. Nada contra a Mercedes Benz mas quem viaja no MB e no Scania percebe a diferença. Fiz questão de viajar na frente e percebi a falta de potência do carro e a dificuldade na troca de marcha !
    Inacreditavelmente fomos ultrapassados por outros ônibus e eu ficava pensando comigo: Acelera motorista, você está dirigindo um Cometa !
    Resolvi então voltar no dia 21 para Matão pela Danúbio Azul chassi Scania K 340 e definitivamente e outro nível !
    Motor Scania é música para os ouvidos !
    Você percebe a diferença, não tem como comparar ! Realmente muitos passageiros não se importam com isso pois estão acostumados a serem transportados por essas carroças todos os dias no urbanos MB que utilizam !

    1. Emerson Belo Gois – Em primeiro lugar vç não pode ter viajado no carro igual do vídeo por se tratar de um cambio AUTOMATIZADO onde o motorista nem precisa trocar as marchas , e vc relatou “DIFICULDADES NA TROCA DE MARCHA” agora vç percebeu falta de potencia num trajeto leve com ótimas estradas e poucas subidas como são a Washington Luis e Rodovia dos Bandeirantes, não sei aonde !!!!! , conheço muito estas rodovias , ate um OF 1519 “cabritinho” consegue fazer boas velocidades medias neste trajeto , agora só para informar eu subia TODO O SANTO DIA a serra da imgrantes ou anchieta com um o 500 RS da COMETA ou da ULTRA/RAPIDO BRASIL e eu não senti qualquer dificuldade que vc RELATOU muito pelo contrario , subiam a serra “RASGANDO” mesmo lotados e com ar condicionado ligado e numa senti qualquer diferença em tempo de viagem em relação aos aos Scania k 340/K360 da breda no mesmo trajeto . a mas esqueci uma diferença!!!! os MB O 500 RS são MUITO MAIS MACIOS E CONFORTÁVEIS NO QUESITO SUSPENSÃO
      Agora o absurdo comentário que os passageiros estão acostumados a “serem transportados por essas carroças todos os dias no urbanos MB que utilizam ” em primeiro lugar acho que vc nunca andou num URBANO MB de ultima geração tipo O 500 U/UA E UDA , agora carroças com motor dianteiro TODAS as montadoras fabricam , não e exclusividade da MB , inclusive a sua IDOLATRADA Scania que vende o chassis F 250 hb ,extremamente duro e com um enorme motor de quase 10 litros esquentando as pernas e ensurdecendo os ouvidos motorista ( nos OF MB pelos os motores são de 4 cilindros de somente 4,8 litros e não atrapalham tanto o motorista) , isto sem falar no bi articulado F 360 com um enorme motor DIANTEIRO de 13 LITROS ao lado do motorista , coitado dos motoristas e passageiros que poderão um dia utilizar este Veiculo kkkkkk

      1. Halisando disse:

        Cadê os JOANINHAS da Cometa, que substituíram os Flecha Azul? Choravam na Serra da BR-116, entre Curitiba e São Paulo.

      2. Osmar Tellos disse:

        Isto porque você não viajou na Linha Curitiba-SP, logo que a Cometa tirou o Flecha Azul e substituiu por O-500… Dava agonia…

  10. Rudivan Freitas disse:

    Mb muito bom para peça de reposição mais não da pra comparar a potencia,tecnologia deles com scania e volvo,e ainda apelar para comparação com os urbanos recentes em testes no brasil,no rodoviario mb ainda está longe de acompanhar scania e volvo,mais há muito monopolio para mercedes no país.,Na europa a mb passa longe,mais no brasil o empresário investe mais no barato e passageiro realmente não entende de chassis ,só quer chegar no destino e pronto. Infelizmente vai pela pintura e modelo,se fosse igual europeu com certeza as empresas seriam mais cobradas. A scania e volvo investem mais no setor rodoviario porque se quizesse mesmo comia a mb facilmente no setor urbano..mais desconfio que há acordos comerciais para isso não acontecer.

    1. Como mb está longe de scania e volvo, me cite um item tecnológico que tenha no scania e no volvo e que não tenha no mb!!!!, empresas de ônibus rodoviários compram custo benefício e não preço inicial, na europa Mb passa longe kkkkkkkk , ela e líder com folga na europa, e dona da marca setra , considerado o melhor ônibus do mundo pela imprensa especializada, tem o urbano citaro referência no segmento, scania e volvo comiam facilmente a mb nos urbanos se quisesse kkkkkkkk, eu não conheço nenhum mercado tanto aqui na américa do sul como na europa onde scania e volvo vendem mais ônibus urbanos que a mb acho que vc precisa se informar melhor sobre o grupo daimler buses dona da mb a falando em potência de motor a mb tem ônibus com até 510 cv na europa , o fato de a mb limitar a potência dos motores aqui no brasil em 410 cv e uma decisão local não tem nada haver com defasagem tecnológica em relação a scania e volvo, a mb brasil julga mais importante conforto, segurança e economia

    2. A Daimler buses (Mercedes-benz) assim como a Scania e Volvo são consideradas montadoras premium no segmento de ônibus mas não deixam de oferecer produtos mais rústicos para determinados mercados e aplicações, mas me parece analizando alguns comentários que o pessoal so lembram do lado “RÚSTICO” da MB, se esquecendo completamente dos produtos premium dela, ja com relação a Scania e Volvo acontece justamente o contrário, lembram dos tops de linha mas se esquecem dos “PÉS de BOI” das mesmas, então eu recomendo que o pessoal estude ou se imforme melhor a respeito das montadoras e as características dos mercados de ônibus antes de jogarem PALAVRAS AO VENTO

      1. Pastor Scarpin Gusso disse:

        A John Deere, uma das maiores fabricantes mundiais de máquinas agrícolas, está realizando um “recall” sem precedentes no mundo. Está trocando os motores Mercedes-Benz de 177 colheitadeiras de cana-de-açúcar da marca Cameco, produzidas desde 2001 na fábrica de Catalão (GO), por motores Scania. “Será uma super operação de guerra, pois teremos de trocar todos os motores até março, ou seja, antes do início da safra no Centro-Sul”, afirma Paulo Renato Herrmann, diretor de marketing da John Deere Brasil.

        Os motores Mercedes-Benz não se adaptaram à colheitadeira Cameco, marca de propriedade da John Deere, na severidade da operação canavieira, na qual as colheitadeiras rodam 24 horas por dia, num total de mais de 3 mil horas por safra.

        “Infelizmente, tivemos problemas desde 2001. Os motores Mercedes-Benz fundiam”, afirma José Carlos Leite, gerente de manutenção da Usina Alta Mogiana, de São Joaquim da Barra, no interior paulista. Segundo ele, a própria John Deere arcou, de 2001 até o final de 2003, com 22 trocas de motores Mercedes-Benz, e isto numa frota de apenas nove colheitadeiras Cameco na usina Alta Mogiana. “Mas foi um problema que, pelo tratamento dado pela John Deere, nos trouxe mais confiança à marca, tanto que acabamos de adquirir uma nova colheitadeira Cameco”, diz Leite.

        O “recall” teve um custo aproximado de R$ 10 milhões, sem contar a margem de lucro das fábricas e dos concessionários John Deere e Scania. Os motores Mercedes-Benz e os periféricos, com peso de uma tonelada, foram levados das usinas canavieiras até Catalão. Lá, os novos motores Scania ficaram na linha de montagem para adaptações e instalação dos periféricos. Depois, retornarão para as usinas. A John Deere não sabe ainda qual será o destino dos motores Mercedes-Benz.

      2. Pastor Scarpin Gusso – Realmente não da para discutir sobre ÔNIBUS com algumas pessoas , o que e que tem haver este RECALL que vc COPIOU E COLOU com o tema aqui abordado , este recall foi no começo dos anos 2000 e não tem nada haver com a qualidade dos motores MB , foi escolhida uma VERSÃO ERRADA DO MOTOR ,NÃO ADAPTADA A COLHETADEIRAS,O motor em questão era O OM 501 LA V6 do Mercedes actros que já teve mais DE 1 MILHÃO DE UNIDADES PRODUZIDAS. Agora me desculpe vc foi totalmente infeliz em postar este texto aqui , alem não ter nada haver com o assunto ônibus , mostra uma total falta de ética , dando a entender que vc quer denegrir a imagem de uma marca perante ao publico LEIGO NO ASSUNTO , já pensou se eu começar a fazer o mesmo com as suas marcas preferidas !!! , dados e que não me faltam !!! , mas eu não vou faze-lo porque eu NÃO SOU LEIGO NO ASSUNTO e sei que TODAS as montadoras sem exceção tem ou já tiveram problemas com algum produto , Boa noite, estou abandonando a discussão

    3. Rudivan Freitas_ Vc citou que “há muito monopólio para mercedes no pais” , vamos por partes , Definição de monopólio :Comércio abusivo que consiste em uma empresa tornar-se único possuidor de determinado produto para, na falta de competidores, poder vendê-lo por preço exorbitante.
      Pelo que eu saiba existem OPÇÕES no mercado para TODOS os chassis comercializados pela MB desde os MINI BUS ate os ARTICULADOS ou SUPER ARTICULADOS no caso dos urbanos e desde os chassis com motor dianteiro ate os 8×2 com 15 metros no caso dos rodoviários , então meu amigo ninguém e obrigado a comprar ônibus da MB porque existem fartas opções no mercado( 6 marcas de chassis no total) para todos os gostos e necessidades , então se a MB e líder tanto nos urbanos como nos rodoviários num universo de 6 MARCAS e por que tem MÉRITOS PARA isso.
      Agora outro comentário infeliz “,mais no brasil o empresário investe mais no barato” ,vc acha mesmo que grandes e conceituadas empresas como ÁGUIA BRANCA , GRUPO GUANABARA , ANDORINHA, GARCIA/BRASIL SUL, PLANALTO, OURO E PRATA ,
      A PRÓPRIA COMETA , EMTRAM , NOVO HORIZONTE entre varias outras, iriam mesmo comprar um produto de qualidade inferior só por causa do custo inicial menor !!!!! , estas empresas tem um nome a zelar e algumas das que citeu acima estão entre as melhores avaliadas pelos usuários e todas tem em sua MAIORIA ou TOTALIDADE veículos MB em sua FROTA

      1. Halisando Cresce disse:

        O motor usado nas colheitadeiras é o OM-457.

      2. Halisando Cresce disse:

        Caro Michael, você falou que o Pastor “copiou e colou”, e logo em seguida, que ele está denegrindo…. Contradição. O texto é de uma reportagem. Onde está o demérito?

      3. Com relação ao texto das colheitadeiras pela minha informação o motor seria o OM 501,mas isto não importa , o que importa e que a MB resolveu este problema e agora tem motores específicos (OM 460/OM 470/OM 471) para esta aplicação inclusive seus motores estão sendo aplicados entre outras na CLASS uma das mais CONCEITUADAS MARCAS de colheitadeiras do MUNDO.
        Na minha opinião o texto foi infeliz e antiético sim , em primeiro lugar não tem nada haver com o assunto aqui tratado , a intenção foi denegrir sim e faz supor aos desavisados que os motores MB são de qualidade inferior, o que não e verdade , as vezes existem motores que são muito bons em algumas aplicações e não tanto em outras e se vc e do ramo sabe disso , no caso do texto acima foi um erro conjunto da MB com o fabricante das colheitadeiras que não especificaram o motor correto para esta aplicação e só para concluir TODAS as montadoras já enfrentaram ou enfrentam problemas com seus motores não e “PRIVILEGIO” da MB

  11. Rudivan Freitas disse:

    As melhores plataformas do mercado atualmente são as da Volvo e da Scania.

    Dependendo da aplicação, cada uma tem uma vantagem.

    As plataformas Volvo-Rodoviárias, tem a opção do motor traseiro e central, o que favorece bastante a distribuição de massas e consequentemente a sua capacidade de condução e estabilidade.

    As da Scania, tem um conjunto mais ajustado, mesmo havendo excesso de peso na traseira, e os seus maiores trunfos são a versatilidade de sua transmissão e a elasticidade de seus motores,agora chegou mais uma novidade o motor k470 bem potente e economico.

    Mercedes tem avançado muito em tecnologia,a marca mais indicada pelo custo beneficio.

    Em aspectos gerais, as plataformas Volvo são mais indicadas para veículos mais altos, como o “DOBLE-DECKER” e as Scania para veículos de carreira mais baixos.
    Em via de regra dentro das empresas de transporte, Usam-se as plataformas VOLVO para viagens de distâncias mais longas, onde prima-se o conforto e para distâncias mais curtas as plataformas SCANIA pela sua agilidade e versatilidade de aplicações.

    Espero ter ajudado.

  12. Halisando Cresce disse:

    Se os MB são tão bons, por quê a JCA compra chassi Scania para os DD?

    1. Halisando Cresce – O que que tem haver o fato do grupo JCA comprar DD Scania , com a qualidade dos produtos MB !!!!!! , agora eu vou retrucar a pergunta Se os scanias são tão bons porque a COMETA COMPRA MB para pra carros 4×2 e 6×2 ??? , não e o mesmo raciocínio da sua pergunta ?? o grupo JCA SEMPRE TEVE FROTA DIVERSIFICADA , OU VÇ NÃO SABIA DISSO !!!!

      1. Halisando Cresce disse:

        Por causa do Banco Mercedes, financiando…

      2. Halisando Cresce disse:

        Caro advogado da Mercedes Benz, vou me expressar melhor para o doutor: Por quê nos carros DD a Cometa não compra chassi Mercedes?

      3. Caro Halisando Cresce , eu entendi muito bem a sua pergunta a minha resposta permanece a mesma do post anterior com um complemento , vc quer uma resposta técnica ! O grupo JCA não compra AINDA DD com chassis MB porque esta ainda não tem um chassis 8X2 nas especificações que o grupo necessita , mas esta trabalhando para isso e tem um chassis 8×2 sendo testado na COMETA (o carro 17000) , mas isto não tem nada haver com a qualidade da marca , a fato do grupo comprar DD SCANIA e não MB não e justificativa para julgar se uma MARCA e MELHOR do que a outra , como vc quer insinuar , trata-se apenas de uma opção técnica do grupo , assim como e técnica a opção da COMETA pelos MB nos carros 4×2 e 6×2.
        E só para concluir eu não sou ADVOGADO da MB , eu só não entendo este mimimi , esta choradeira e estas criticas que vem desde o ano 2002 dos chamados “FANS DA ANTIGA COMETA”, quando a COMETA passou a adquirir carros MB , criticas alias sem nenhum critério técnico , julgam a MB como se fosse um produto de 2ª categoria , como se a marca MB não tivesse suas qualidade técnicas e vantagens , e o mais importante desconhecem ou fingem não conhecer a importância da marca MB a nível GLOBAL na HISTORIA e na INDÚSTRIA do ÔNIBUS que talvez se ela não existisse não estaríamos aqui debatendo sobe ÔNIBUS

Deixe uma resposta para IVAN Cancelar resposta