Passageiro de companhia aérea que usar Linha 13-Jade poderá fazer check-in e despachar malas para Cumbica nas próprias estações da CPTM

O Governador de São Paulofez visita técnica nas obras da Linha 13 Jade da CPTM em Guarulhos. Acompanhou também o içamento de vigas ao longo do trecho elevado. Essa linha ligará a capital ao Aeroporto Internacional de Garulhos. Guarulhos- 29/03/2016 - São Paulo - Foto: Eduardo Saraiva/A2IMG.

Obra está prometida para março de 2018. Presidente da CPTM revelou ideia de instalar totens de check-in na Linha Aeroporto o que permitirá ao passageiro imprimir tíquetes antes de chegar a Guarulhos

ALEXANDRE PELEGI

Se as obras da Linha 13-Jade ainda são uma promessa em andamento, as novidades sobre a integração com o aeroporto começam a ser divulgadas. (Leia também: “Alckmin promete para julho estação que permitirá integração entres linhas 12-Safira e 13-Jade” – https://diariodotransporte.com.br/2017/06/19/alckmin-promete-para-julho-estacao-que-permitira-integracao-entres-linhas-12-safira-e-13-jade/)

A linha da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) estava prometida para 2014. Após sucessivos atrasos, a promessa ficou para março do ano de 2018. Independente disso a novidade revelada ontem pela direção da CPTM é que a ligação por trens com o Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, poderá ter um sistema de despacho de bagagens, o que facilitará o embarque de passageiros. O despacho das malas poderá ser feito ainda na estação de trem, antes do passageiro acessar os terminais aéreos.

Em entrevista coletiva ontem (19), o presidente da CPTM, Paulo Magalhães, informou ainda que a companhia tem feito estudos para instalar totens de check-in das companhias aéreas nas estações. Nesses locais seria possível ao passageiro imprimir as etiquetas de bagagens e, já na Estação Aeroporto da Linha 13, as malas seriam despachadas.

Em visita da direção da CPTM e do governador Geraldo Alckmin (PSDB) às obras da Linha 13, Paulo Magalhães afirmou que o interesse nessa logística é das próprias companhias aéreas, “elas vão aderir”, ele afirmou. Paulo afirmou que, após etiquetar as malas nos tótens localizados nas estações, o passageiro seguirá com a bagagem já etiquetada no trem. Ao chegar à Estação Aeroporto, ele entregará sua mala, seguindo direto para o embarque.

Tanto o presidente da CPTM, quanto o secretário de Transportes Metropolitanos, Clodoaldo Pelissioni, afirmaram que a Linha 13 terá um serviço expresso, com oito saídas diárias, a partir da Estação Brás, com trajeto direto (sem paradas), em tempo estimado em 30 minutos.

Quanto à localização dos totens de check-in, a CPTM estuda se eles ficarão no Brás ou na Luz, que também poderia ser ponto de partida de acesso ao aeroporto de Guarulhos. Os estudos foram conformados pela concessionária GRU Airport, que administra o aeroporto de Cumbica, em Guarulhos.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

6 comentários em Passageiro de companhia aérea que usar Linha 13-Jade poderá fazer check-in e despachar malas para Cumbica nas próprias estações da CPTM

  1. Excelente obra com um grave defeito. O trem vai chegar até o terminal 1 e os passageiros deverão pegar um ônibus para ir até o terminal 2 ou 3. A concessionária do aeroporto não cumpriu a parte dela que era conectar o trem ao terminal do aeroporto. E tudo fica por isso mesmo.
    Um excelente obra, mas que comprova mais uma vez que não temos competência para fazer a infraestrutura completa, como nos países desenvolvidos, em que o trem chega até o terminal principal.
    O prejudicado é o passageiro e contribuinte (que paga muito imposto!) que tem que se submeter à falta de planejamento e competência.

    • Paulo Lane, boa noite.

      Dessa eu não sabia e nem imaginava.

      Obra pela metade, o passageiro morrerá afogado na praia.

      Mas isso é PREVISIVELLLLLLLLL

      A ligação do Terminal 1 aos Terminais 2 e 3 custará 3 vezes ou mais, ai é que está o lucro.

      Abçs,

      Paulo Gil

  2. Na minha opinião seria muito melhor que a linha 13 operasse a partir da Luz (atual ou futura) por facilitar o acesso do passageiro com bagagens e sua localização para a chegada pelas rodovias.

    • Jair, boa noite.

      De pleno acordo.

      Mas nesta questão tem gato na tumba.

      Penso que querem matar a Julio Prestes e a Estação da Luz.

      Sem contar que a matança começou cedo, pois a Linha 4 Amarela deveria ter terminado na Praça Julio Prestes e não na Luz 8 azul.

      Mas…

      E essa linha da CPTM do Aeroporto é uma piada de mal gosto.

      Abçs,

      Paulo Gil

  3. Amigos, boa noite.

    Essa é de lascar, quero só ver.

    Eu conheci um professor que dizia:

    “HÁ MALAS QUE VÃO PARA BELÉM”

    Agota as malas irão para Itapevi, Francisco Morato, Rio Grande da Serra, Mogi da Cruzes, Ferraz de Vasconcelos Grajaú e adjacências.

    E não esqueçam:

    “Cuidado com o vão e a altura entre o trem as portas e as malas”

    Será que ressurgirá das cinzas o carro bagageiro ??

    Em breve o carro restaurante.

    Piuiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

    Lembrando que a menor distância entre dois pontos é uma reta.

    Num seria mais lógico ligar o Aeroporto de Guarulhos ao metro Azul Tucuruvi ???

    Tá difícil.

    Cadê os engenheiros ????????????

    Att,

    Paulo Gil

  4. incompetência !!!! , vou de trem para o aeroporto , desço no terminal de cargas (última estação) , pego um ônibus para chegar aos terminais 1,2 e 3 ou se preferir vou a pé com minhas malas ???
    Um trem com quase 1200 a 2000 passageiros, quantos ônibus serão necessários ???
    Deem nomes ao incompetente da história, digo da linha !

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: