Prefeitura de Taboão não deve renovar com Pirajuçara

A prefeitura de Taboão da Serra, na Grande São Paulo, indicou nesta semana que não pretende renovar automaticamente o contrato com a empresa de ônibus Pirajuçara.

A Viação possui contrato por dez anos, que vencem em abril, prorrogáveis por mais cinco anos.

Esta prorrogação,  contudo,  não deve ser feita. A prefeitura pretende abrir um processo de licitação. A Pirajuçara pode participar.

O intuito alegado pelo poder público é modernizar o sistema.

Entre os objetivos estão bilhetagem eletrônica e readequação das linhas urbanas.

A prefeitura ainda alega que está sendo realizados estudos sobre o sistema para traçar o modelo do edital de licitação. Um dos pontos a ser analisados pelo levantamento é se as integrações do Bilhete Único municipal serão feitas gratuitamente no período de duas ou três horas.

O que vai determinar isso são os resultados do perfil de deslocamento e a demanda de passageiro,  além dos custos operacionais.

Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes.

5 comentários em Prefeitura de Taboão não deve renovar com Pirajuçara

  1. Bom saber disto. Tenho amigos que moram na cidade.

    Ao que noto, Taboão trabalha mais com linhas circulares, e o traçado das ruas, junto com o jeito topográfico (é uma cidade recheada de morros) acaba fazendo os ônibus usarem apenas as vias principais e grandes, não se adentrando muito à bairros, com ruas menores e de curvas truncadas.

    Outra coisa que noto é a alta circulação de intermunicipais. Noto um alto movimento de Taboão e Embu das Artes em direção à São Paulo.

    Espero que a nova licitação atualize o transporte e permita ônibus que circulem por mais bairros por lá 🙂

  2. Boa noite!

    De certo modo, é uma boa notícia. Em Taboão, há um monopólio das linhas municipais. Ah, e antes que alguem fale “Ah, mas tem a Fervima”, sinto dizer, mas a Fervima é a Pirajuçara com outra roupa, tudo do mesmo grupo!

    Sempre que acontece algum problema lá, o pessoal fica sem ônibus. Além do fato que existe apenas 9 linhas municipais pra cidade toda. Muito pouco levando em conta a quantidade de pessoas que moram na região.

    Agora uma previsão: provavelmente terá nessa licitação Pirajuçara, Pirajuçara 2 (ou Fervima) e Miracatiba.

  3. Boa tarde.
    Adorei esta noticia, pois já fui funcionário da pirajuçara e é uma empresa que só tem carros velhos e motores dianteiros ao qual todos os motorista sofrem muito com o calor.
    Deveria colocar carros novos com motores traseiros e colocar os pontos finais em locais com mais segurança tanto para funcionários como passageiros, pois os motorista ficam fazendo manobras em locais perigosos e ninhem toma atitude .
    Abraços Isaias

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: