Passageiros de Volta Redonda já podem consultar ônibus pelo celular

Volta Redonda

Ônibus em Volta Redonda. GPS nos veículos informam dados em tempo real que podem ser consultados pelos passageiros por meio de celulares, tablets e notebooks, além de computadores de mesa.

Passageiros de Volta Redonda já podem consultar partidas de ônibus pelo celular
Aplicativo mostra previsão de chegada dos veículos de transporte coletivo, localização e itinerários
ADAMO BAZANI – CBN
Passageiros de ônibus de Volta Redonda, no Rio de Janeiro, já podem acompanhar pelo celular, tablet, notebook e computador a circulação do transporte coletivo e saber, por exemplo, a localização dos ônibus, previsão de quando devem chegar ao ponto e detalhes dos itinerários.
A cidade adotou o aplicativo CittaMobi.
Segundo a prefeitura, o aplicativo pode beneficiar aproximadamente 80 mil passageiros do sistema.
Os dados são enviados em tempo real pelos aparelhos de GPS nos 266 ônibus de Volta Redonda.
A iniciativa é uma parceria entre a prefeitura de Volta Redonda, o Sindpass – Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Barra Mansa e Volta Redonda e a empresa Cittati Tecnologia.
Para baixar o aplicativo, que é gratuito, o passageiro pode usar uma loja virtual do celular. As informações para computadores de mesa podem ser obtidas pelo site:
www.cittamobi.com.br
No campo indicado, é necessário informar o nome da cidade.
Atualmente, o aplicativo traz informações sobre os transportes de dez municípios, entre eles, Santo André (SP), São Caetano do Sul (SP), Diadema (SP), Colatina (ES), Rio Branco (AC), Santa Rita (PB), e Rio Grande (RS).

Volta Redonda

Aplicativo mostra onde ficam os pontos, a localização dos ônibus e previsão do tempo de chegada em Volta Redonda, no Rio de Janeiro

Em nota, a Cittati enumera os serviços do aplicativo para o passageiro:
* Informa pontos ou paradas de ônibus mais próximos de onde o passageiro se encontra ou em outro local desejado;
* Informa as linhas disponíveis em cada ponto da cidade;
* Informa a previsão de chegada dos ônibus com até 2 horas de antecedência;
* Informa se os ônibus são adaptados para deficientes (elevador para entrada e saída de cadeirantes);
* Permite marcar as linhas e pontos de ônibus preferidos ou mais utilizados;
* Permite visualizar os arredores do ponto escolhido com o recurso Street View, do Google Maps;
* Durante o percurso, informa os pontos de parada e o tempo previsto para se chegar a cada um deles;
* Permite habilitar um alarme para que o passageiro saiba que encontra-se próximo do ponto onde irá descer;
* Informa todo o percurso da linha utilizada, quantos ônibus estão circulando nesse percurso naquele momento e onde se encontram.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: