Salvador divulga resultado da licitação que divide cidade em três lotes

ônibus

Ônibus em Salvador. Sistema será dividido em três lotes. Os consórcios vencedores são formados por empresas que já atuavam na cidade e idade média da frota deve ser reduzida para 3,5 anos até 2016.

Salvador divulga vencedoras de licitação
Cidade será operada por três consórcios com mais de uma empresa cada. Outorga paga pelas empresas vai financiar construção de corredores de ônibus
ADAMO BAZANI – CBN
A prefeitura de Salvador divulgou nesta sexta-feira, dia 25 de julho de 2014, o resultado da licitação dos transportes.
O modelo de licitação divide os serviços em três lotes que pelos próximos 25 anos serão operados por três consórcios. Segundo a prefeitura, uma das principais preocupações do edital foi evitar a concentração ou divisão com muita desigualdade do sistema.
Os três consórcios foram os únicos participantes.
Os serviços vão ficar divididos de acordo com os lotes:
Lote A ou Lote 1: Subúrbio de Salvador / Comércio . Vencedor: Consórcio Plataforma: – formado pelas empresas de ônibus Praia Grande, Axé, Boa Viagem e Joevanza. – Outorga oferecida: R$35 milhões 480 mil.
Lote B ou Lote 02: “Miolo” da cidade, Cajazeiras e Iguatemi. Vencedor: Consórcio Salvador Norte – formado pelas empresas BTU, ODM, Verde Mar e Viação Rio Verde. Outorga oferecida: R$57 milhões 899 mil
Lote C ou Lote 3: Orla Atlântica e Centro da cidade: Vencedor: Consórcio Jaguaribe – formado pelas empresas São Cristóvão, Expresso Vitória, Modelo, RD, Transporte Sol, Triunfo, União e Unibus Bahia. Outorga oferecida R$86 milhões 377 mil
Na prática, houve poucas mudanças em relação às operadoras, que são basicamente as mesmas que já atuavam na cidade.
EXIGÊNCIAS:
A prefeitura agora vai analisar as planilhas e as documentações das empresas e dentro de 60 dias deve ser assinado o contrato com os consórcios vencedores.
As linhas devem ser readequadas, segundo a Semut – Secretaria Municipal de Urbanismo e Transporte, evitando sobreposições.
A outorga paga pelas empresas durante a operação será usada para projetos voltados para a mobilidade urbana, como a contrapartida do município para a construção de corredores de ônibus BRT – Bus Rapid Transit, com estações de embarque e desembarque cujo piso fica na mesma altura do assoalho dos veículos e espaço realmente separado para os veículos de transportes coletivos desenvolverem melhor velocidade operacional. As obras devem custar R$ 1 bilhão e já têm recursos garantidos por verbas diretas da União e financiamentos pelo BNDES – Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social e pela Caixa Econômica Federal.
Também haverá sistema de monitoramento e controle da frota e das operações dos ônibus através de câmeras nos veículos e GPS que vai informar em tempo real a localização dos ônibus nas linhas e a previsão de chegada nos pontos e terminais. Todo o acompanhamento será feito pelas companhias de ônibus e por um CCO – Centro de Controle Operacional, da prefeitura. Estes dados devem ser disponibilizados pelas empresas em painéis instalados nos terminais e pontos de alta demanda e o passageiro poderá se informar sobre linhas e horários por celular através de SMS. O sistema de transportes também deve ter uma central unificada de atendimento telefônico (call Center) mantido com os recursos das empresas de ônibus.
Até 2015, a tarifa de ônibus municipal não vai ser reajustada, sendo mantida em R$ 2,80. Os reajustes então serão anuais, com base no IPCA – Índice de Preços ao Consumidor – Amplo.
A idade da frota, que hoje chega a dez anos, até 2016 deve ter média reduzida para 3,5 anos.
Os ônibus deverão ter sistema de ventilação, elevadores ou piso baixo para melhor acesso de pessoas com mobilidade reduzida e seguirem os padrões internacionais Euro V de motorização, que possibilitam a redução de poluentes nas emissões.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

1 comentário em Salvador divulga resultado da licitação que divide cidade em três lotes

  1. espero que vc pense em os funcionarios

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: