Corpus Christi vai ter movimento intenso nas rodoviárias e TERSA apresenta problemas

ônibus

Ônibus rodoviário. Pelos terminais de São Paulo devem passar 650 mil pessoas no feriado de Corpus Christi. No TERSA, em Santo André, passageiros não conseguiram pagar os bilhetes com cartão de crédito e débito. Empresas de ônibus não atendiam telefones e nem passavam informações. Foto: Adamo Bazani.

Terminais rodoviários em São Paulo vão receber 650 mil pessoas no feriado de Corpus Christi
Já no TERSA, em Santo André, passageiros não conseguiam pagar os bilhetes com cartão e empresas não passavam informações por telefone
ADAMO BAZANI – CBN
O movimento nos terminais rodoviários Jabaquara (zona Sul), Tietê (zona Norte) e Barra Funda (zona Oeste) deve ser bem intenso neste feriado de Corpus Christi, dia 19 de junho.
De acordo com a Socicam, empresa que administra os terminais, entre esta quarta-feira, dia 18 de junho e segunda-feira, dia 23 de junho, devem passar por estas rodoviárias 650 mil passageiros.
Somente entre esta quarta-feira e quinta-feira, a administradora estima que devem deixar a cidade de São Paulo e parte da região metropolitana, 165 mil pessoas por ônibus rodoviários.
Ainda segundo a Socicam, os destinos mais procurados são Belo Horizonte, Curitiba, Rio de Janeiro, Sul de Minas e interior de São Paulo.
A empresa diz que vai aumentar em 15% o número de funcionários de setores como manutenção, segurança, limpeza, informação e operação.
Mesmo assim, os passageiros devem tomar alguns cuidados para evitar transtornos:
– Procure chegar com cerca de uma hora de antecedência em relação ao horário marcado no bilhete.
– Cuidado com as bagagens. Nunca se distancie das malas e procure identificá-las com nomes e telefones para contato.
– Só peça informações para funcionários dos terminais ou das empresas de ônibus devidamente uniformizados e com crachás que deixem o nome visível.
– Todos os passageiros devem estar com documentos, inclusive crianças.
– Crianças com doze anos de idade ou menos podem viajar com documentos na companhia de pai, mãe, avô, avó, irmão ou irmã com idade igual ou superior a 18 anos, tios de primeiro grau ou responsáveis legais.
– Crianças com até 12 anos sem estes responsáveis ou parentes só podem viajar com acompanhantes que tenham uma carta escrita a punho pelos pais ou responsáveis legais, cujas assinaturas sejam reconhecidas em cartório. A carta deve conter dados como: um texto autorizando a viagem, nome e RG dos pais ou responsáveis, nome e número de documentação da criança, nome e RG dos acompanhantes, de onde a criança está partindo e o destino, horário da partida e nome da empresa de ônibus.
TERSA SEM SISTEMA DE CARTÃO DE CRÉDITO E DÉBITO:
Passageiros que precisaram embarcar nesta terça-feira, dia 17 de junho de 2014, pelo TERSA – Terminal Rodoviário de Santo André, no ABC Paulista, para diversas regiões do Estado de São Paulo e do País enfrentavam dificuldades para pagar as passagens.
Guichês de empresas como Viação Catarinense, Auto Viação 1001 e Viação Cometa não aceitavam cartão de crédito ou débito.
Os funcionários disseram que houve problemas nas máquinas de cartão. Como as empresas de ônibus não aceitam cheques, quem precisava fazer uma viagem urgente era obrigado a pagar com dinheiro.
Os passageiros também reclamavam que as empresas de ônibus não atendiam telefones do TERSA, o que também foi constatado pela reportagem. Várias ligações foram até o final sem atendimento.
A administração do terminal e as empresas citadas foram procuradas, mas ninguém respondeu à reportagem.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: