CTA deve privatizar frota em Araraquara

ÔNIBUS

Ônibus da CTA, sem dinheiro, empresa deve terceirizar frota.

CTA deve privatizar frota em Araraquara
O principal motivo são as dívidas da companhia.
ADAMO BAZANI – CBN
Uma das poucas empresas públicas operadoras de transporte coletivo no Brasil, a tradicional CTA- Companhia de Tróleibus de Araraquara deve virar apenas gerenciadora do sistema do município do interior de São Paulo.
Hoje a empresa tem 70 ônibus, com idade média de 16 anos, uma das maiores do País, que operam 28 linhas.
A renovação da frota para reduzir a idade média para 10 anos custaria à CTA R$ 16 milhões e a empresa tem dívidas superiores a este valor.
Sem dinheiro e sem crédito, a terceirização da frota é uma das saídas vislumbradas pela empresa de ônibus.
Apesar do nome CTA – Companhia de Tróleibus de Araraquara, a empresa não opera mais nenhum ônibus elétrico. A companhia foi criada em 1958 para implantar o sistema de trólebus na cidade que parou de operar definitivamente em 2001.
Uma reunião na última terça-feira com o conselho e acionistas, liberou a terceirização da frota. Os próximos passos consistem na realização de um levantamento do patrimônio e dados técnicos da CTA, audiências públicas e depois uma licitação, ainda sem data definida.
A empresa ainda não sabe informar se haverá garantias para 570 funcionários da empresa concursados, mas contratados como celetistas.
Outra saída para a companhia é a venda da garagem no bairro Fonte Luminosa,
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

4 comentários em CTA deve privatizar frota em Araraquara

  1. Mais uma estatal que se vai…

  2. RECIFE PRIMEIRO, AGORA EM 2001 EM ARARAQUARA. ADEUS TRÓLEBUS. ADEUS ÀS BAIAS. EM RECIFE, OS OPERADORES COMERAM A GALINHA DOS OVOS DE OURO E OS ADMINISTRADORES SEPULTARAM-NA. ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA É CASA DE MÃE JOANA. ESTES VALORES DE ARARAQUARA NÃO CORRESPONDEM À REALIDADE CONTÁBIL. O BURACO É MAIOR.

  3. Douglas Van Dresher // 23 de novembro de 2014 às 16:17 // Responder

    Ja venderam a cta. Agora, uma empresa so vsi se tornar dona do monopolio do tranporte coletivo da cidade.
    Bando de incompetentes!

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: