Volvo B 270F consegue quase 10% de participação em semipesados

ônibus

Ônibus Volvo B 270 F. Modelo alcançou 9,4% de participação no segmento de ônibus semipesados. Crescimento no setor de fretamento em 2013 para o modelo foi de 164% – Foto Divulgação Volvo – Reportagem – Adamo Bazani

Volvo comemora crescimento com B 270 F
Segundo a montadora, o modelo alcançou 9,4% de participação no mercado de ônibus semipesados
ADAMO BAZANI – CBN
A Volvo divulgou nesta quinta-feira, dia 03 de abril de 2014, que o modelo de motor dianteiro B270F alcançou 9,4% de participação de mercado no segmento de ônibus semipesados.
O número é expressivo e o modelo fez a Volvo subir de sexto para quarto lugar no ranking das montadoras de ônibus de acordo com dados da Fenabrave – Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores e da Anfavea- Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores.
Ainda segundo a Volvo, em 2013, o número de emplacamentos do modelo B 270F aumentou 45,9% em relação a 2012, enquanto o mercado registrou uma queda de 10,8% no segmento correspondente ao veículo.
Por ser um ônibus de motor dianteiro, muitos devem pensar que o modelo teve destaque apenas no segmento de ônibus urbanos. Mas foi no ramo de fretamento que o B270F registrou em termos percentuais a maior alta: “o número de emplacamentos de veículos voltados para o segmento cresceu 164% em 2013 em relação a 2012” – diz nota da Volvo.
No comunicado à imprensa especializada em transportes, o gerente da linha de ônibus rodoviários da Volvo Bus Latin America, Jefferson Cunha, diz que o modelo une potência e baixo consumo, o que atrai os empresários do setor de fretamento.
“Este sucesso no segmento de fretamento é devido à potência adequada ao tipo de aplicação, o que proporciona um baixo consumo de combustível e contribui para aumentar a rentabilidade da operação” – disse o executivo na nota.
AMÉRICA LATINA:
O Volvo B 270 F foi lançado em julho de 2011 para atender no mercado brasileiro os segmentos de ônibus urbanos, de fretamento, e rodoviários para curtas e médias distâncias, de até 200 quilômetros aproximadamente.
Mas hoje o ônibus é comercializado em outros países da América Latina.
Exemplos são o Chile e Peru. O motivo, além do preço do veículo, que é inferior aos modelos de motor traseiro, é que diversos países da região têm condições operacionais e necessidades parecidas com a do mercado brasileiro de transporte de passageiros.
NOVIDADES:
Segundo a Volvo, apesar de ser lançado em 2011, o modelo de ônibus B 270 F já incorpora algumas novidades, além da motorização obrigatória com base nos padrões internacionais Euro V de restrição à emissão de poluentes.
Desde 2013, o B 270 F possui suspensão pneumática, que, de acordo com a fabricante, reduz as vibrações provocadas pelas irregularidades nos diversos tipos de pavimentos, aumentando o conforto e evitando desgaste prematuro de peças no ônibus.
A Volvo ainda relata outras características do veículo que considera diferenciais:
“O motor de 270 cv permite manter a velocidade mesmo em marchas mais altas, reduzindo o consumo de combustível. Além disso, o modelo é produzido com um aço especial, o que o torna o mais leve e mais robusto” –diz a fabricante na nota.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

2 Trackbacks / Pingbacks

  1. Volvo B 270F consegue quase 10% de participação em semipesados - Montadoras - Campione Veículos
  2. Volvo B 270F consegue quase 10% de participação em semipesados | Campione

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: