Viação Cometa realiza programa que incentiva volta de funcionários aos estudos

Viação Cometa

Viação Cometa realiza programa em parceria com o Sesi que possibilita volta dos funcionários aos estudos. Formação é reconhecida pelo MEC. Aulas são na sede da Cometa, na Vila Maria, em São Paulo. Foto: Adamo Bazani

Cometa realiza programa que incentiva funcionários a voltarem a estudar
Comeda Educa é um programa realizado em parceria com o Sesi e reconhecido pelo MEC
ADAMO BAZANI – CBN
Quando as pessoas falam que somente pela educação é que os cidadãos podem ter oportunidades de uma vida melhor estão se referindo a uma verdade.
Um país com a população que tem acesso à educação possui melhores condições para todos. Aumento de renda da população não se dá por assistencialismo, mas pela ampliação de oportunidades que vem da qualificação educacional.
Apesar de ser um dever do estado para todos, ainda muitas pessoas estão excluídas dos bancos escolares. O número é preocupante inclusive em relação a adultos sem nenhuma ou com pouca escolaridade.
Enquanto o estado ainda não consegue fazer sua parte integralmente, apesar de receber impostos (e muitos) para isso, a sociedade pode colaborar.
Algumas empresas têm valorizado o investimento na educação dos funcionários.
A Viação Cometa,empresa de ônibus rodoviários com sede em São Paulo, realiza em parceria com o Sesi o Programa Cometa Educa.
O objetivo é dar oportunidade para funcionários que querem voltar aos estudos e ao mesmo tempo, acaba fidelizando espontaneamente o profissional à empresa, criando uma boa relação trabalhista.
O Programa é reconhecido pelo MEC –Ministério da Educação e Cultura.
Oito trabalhadores da primeira turma já se formaram na quarta-série do ensino fundamental e agora vão buscar o diploma da 5ª à 8ª, se juntando a outros 24 funcionários.
A Cometa explica os métodos de ensino que são compatíveis à rotina dos motoristas:
“As aulas ocorrem de segunda a sexta-feira, das 18h às 20h, no auditório da sede da Cometa, localizado no bairro da Vila Maria, em São Paulo. A metodologia de ensino utilizada é semipresencial, o que deixa os alunos livres para realizar suas atividades escolares em casa, desde que respeitem a exigência mínima de frequentar a sala de aula uma vez por semana para garantir a aprendizagem. Esse método representa uma vantagem para os alunos que precisam cumprir uma escala de revezamento na empresa, como é o caso dos motoristas rodoviários. Já os alunos que possuem disponibilidade de horários poderão utilizar o método presencial, aproveitando ao máximo o apoio da professora.”
Dos 32 alunos, 19 são motoristas rodoviários das regiões de Curitiba (PR), Juiz de Fora (MG), Volta Redonda (RJ), Jundiaí, Itapetininga e Lorena (SP), além da capital paulista.
Em nota à imprensa, o diretor da Viação Cometa Anuar Helayel, disse que um dos melhores investimentos de uma empresa é no seu quadro de quadro de funcionários:
“O Programa Cometa Educa é mais uma iniciativa da empresa na busca do desenvolvimento de seus funcionários. A Viação Cometa, assim como as empresas do Grupo JCA, investe cada vez mais em sua equipe para qualificar e identificar pessoas capazes de gerar melhores resultados de acordo com os valores praticados” – disse em nota.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

2 comentários em Viação Cometa realiza programa que incentiva volta de funcionários aos estudos

  1. Evaristo H. Ferreira // 23 de Março de 2014 às 01:10 // Responder

    Embora, em minha opinião, repito, em minha opinião, da Viação Cometa só reste o nome, parabenizo, com muito entusiasmo a iniciativa e desejo, sinceramente, que seja um sucesso, pois somente através da educação(de qualidade e não de quantidade) poderemos, realmente mudar para melhor o nosso Brasil.
    Mais uma vez, meus parabéns pela iniciativa.
    Obrigado pelo espaço.
    Evaristo H. Ferreira.

  2. É uma pena que as empresas deste grupo JCA já tenham sido boa, mas isto ficou no passado. Recentemente minha amiga foi para o Rio de Janeiro o tempo estava chuvoso e tinha até cachoeira dentro do ônibus. Resultado, ela se molhou toda, sua bagagem de mão molhou, estragou e até hoje, mesmo acionando a empresa através do call center, fanpage, falando com o Sr. Valter Costa que é do operacional, a dois meses que estão enrolando e não resolvem nada.
    Muito triste, empresa que não respeita o consumidor, não merece respeito.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: